azul_34_780x536

Yamaha Crosser 150 Z já está disponível por R$11.490,00

Apresentada sem muito alarde dentro do Salão Duas Rodas 2017, já está disponível nas concessionárias Yamaha de todo o Brasil a nova Yamaha Crosser 150 Z, uma versão da pequena trail da Yamaha com poucas modificações, mais voltadas ao uso no off-road. A por conta das mudanças, a moto custa R$11.490,00, R$200,00 a mais que a versão Crosser 150 S.marrom_lateral_780x536

Essa moto chega para disputar espaço na categoria das trail pequenas, onde já estão na disputa a própria Yamaha XTZ 150 Crosser S (R$11.712) e as Honda XRE 190 (R$14.613) e NXR 160 Bros (R$12.961). Importante notar que estes valores são os da tabela FIPE, que reflete o preço médio praticado onde a Crosser Z está por R$11.922. Portanto, R$3.000 de diferença não é um abismo e aí as virtudes de cada moto pode pesar mais do que o preço.

A principal modificação é o para-lama dianteiro, que na versão “Z” é alto, como nas trail tradicionais, enquanto que na versão tradicional “S” o para-lama dianteiro fica rente à roda. Por conta dessa diferença, na Crosser Z há o guarda-pó e uma pequena proteção plástica para proteger o tubo interno do garfo dianteiro. Além disso e do preço, as cores disponíveis das duas versões também são diferentes. Na “S” há opção de branco ou preto e na “Z” o azul ou bege são as opções.

As duas motos seguem sendo boas opções para o uso urbano pelas características que reúnem economia de combustível e um chassi e suspensões adequados para enfrentar as incontáveis irregularidades dos pisos das nossas cidades. O motor é de um cilindro, SOHC (comando simples no cabeçote), 149,3 cc, que desenvolve 12,2 cv de potência máxima e 1,28 kgf.m de torque, ambos resultados com uso de gasolina. Se o combustível escolhido for etanol, a potência sobe para 12,4 cv e o torque para 1,29 kgf.m.

Crosser "S", em duas cores: branca ou preta

Crosser “S”, em duas cores: branca ou preta

Outras características das Crosser é o painel que traz mostrador analógico do conta-giros e display digital iluminado por LEDs brancos com informações básicas como velocidade, nível de combustível no tanque, hodômetro total e parcial, além da exclusiva função ECO e o indicador de marchas. A moto ainda conta com a suspensão traseira do tipo Monocross com link e tem 3 anos de garantia com o quadro de revisões com preço fixo.

separador_yamaha



Sidney Levy

Motociclista e jornalista paulistano, une na atividade profissional a paixão pelo mundo das motos e a larga experiência na indústria e na imprensa. Acredita que a moto é a cura para muitos males da sociedade moderna.