ANP detecta aumento no preço da gasolina em 9 cidades

A Agˆncia Nacional do Petr¢leo registrou aumento no pre‡o da gasolina em nove cidades brasileiras nas £ltimas seis semanas, segundo levantamento detalhado sobre a evolu‡Æo do mercado desde a redu‡Æo de pre‡os nas refinarias, no in¡cio de maio.

A maior parte das altas foi registrada em Pernambuco, onde a Agˆncia detectou, h  duas semanas, um aumento dos pre‡os praticados pelas distribuidoras. Em SÆo Paulo, apenas os postos da cidade de Bragan‡a Paulista aumentaram seus pre‡os no per¡odo. A maior alta registrada pela pesquisa foi detectada na cidade pernambucana de SÆo Louren‡o da Mata, de 7,4%. Recife, Olinda, Paulista e JaboatÆo dos Guararapes, todas em Pernambuco, tamb‚m registraram altas variando entre 2% e 7,1%.

Al‚m das cidades pernambucanas e de Bragan‡a Paulista, a ANP detectou aumento de pre‡os em Manaus/AM e Blumenau/SC. Os aumentos ficaram entre 2,5%, na cidade catarinense, e 4,7%, na capital do Amazonas. Outras duas cidades pesquisadas nÆo registraram nenhuma varia‡Æo de pre‡os desde a redu‡Æo nas refinarias, ou seja, nÆo tiveram repasse da queda promovida pela estatal: TupÆ/SP e Tarauaca/AC.

O levantamento de pre‡os da ANP ‚ feito semanalmente em 411 cidades e divulgado toda sexta-feira na p gina da agˆncia na Internet. L , ‚ poss¡vel acompanhar os pre‡os de cada um dos postos pesquisados. No estudo ao qual o Estado teve acesso, o ¢rgÆo regulador detalha a evolu‡Æo dos pre‡os em todas as cidades desde a semana anterior a 1§ de maio, quando a Petrobras reduziu em 6,5% o pre‡o da gasolina na refinaria, … primeira semana de junho.

Na semana anterior, eram 46 as cidades cujos pre‡os haviam aumentado ou mantido-se no mesmo patamar. Agora, sÆo apenas oito os Estados com pre‡os m‚dios acima da tabela de referˆncia do MME. No dia da divulga‡Æo da tabela, eram 17 os Estados com pre‡os superiores. Sa¡ram da lista Alagoas, Esp¡rito Santo, Goi s, Paran , Rond“nia, Santa Catarina, Sergipe, SÆo Paulo e Tocantins.

As maiores quedas registradas pelo estudo da ANP foram verificadas em Campina Grande/PB, de 15,3%, e em Montes Claros/MG, de 15,1%. No Estado de SÆo Paulo, a maior redu‡Æo ocorreu em Jaboticabal, de 12,5%.