Brasileiros enfrentam problemas mas conseguem terminar etapa

A especial mais longa do Rally Paris-Dakar 2005, que come‡ou na manhÆ da quinta-feira, entre Tichit e Tidjikja, ainda nÆo terminou.

Muitos competidores da prova continuam no meio do caminho, ou melhor, no meio do deserto da Mauritƒnia. Jean Azevedo andou forte e subiu mais uma posi‡Æo na classifica‡Æo geral, 11§ lugar, e ‚ l¡der na categoria Production. Na categoria carros e caminhäes, os brasileiros apenas conseguiram terminar a etapa no dia seguinte.

At‚ o respons vel pelo Dakar, Etienne Lavigne, se mostrou preocupado pois alguns competidores reclamaram do alto grau de dificuldade da etapa. Dessa maneira, tamb‚m devido … m  visibilidade que impedia o v“o dos helic¢teros da organiza‡Æo, Lavigne cancelou a especial (trecho cronometrado) de hoje e os competidores apenas realizaram um deslocamento at‚ Tidjikja, local da largada da etapa de s bado. A dupla da Equipe Petrobras Lubrax Klever Kolberg/Lourival Roldan enfrentou problemas mecƒnicos na s‚tima etapa, acionou a equipe de apoio e conseguiu chegar na manhÆ desta sexta-feira para realizar o deslocamento.

“Ficamos parados esperando a ajuda da organiza‡Æo por 19 horas. A etapa possu¡a dunas de areia fofa, consumindo mais combust¡vel do que o esperado. Outros competidores tamb‚m tiveram o mesmo problema e um carro do ex‚rcito da Mauritƒnia nos forneceu o combust¡vel para que termin ssemos a etapa na sexta”, contou Andr‚ Azevedo, que pilota o caminhÆo Tatra ao lado do primo Luiz Azevedo e do tcheco Mira Martinec. Neste momento, Andr‚ segue em deslocamento para Tidjikja.

Veja como ser  a etapa deste s bado, 8 de janeiro:
Etapa 9: Tidjikja – Atar
Deslocamento: 3 km – Especial: 361 km – Deslocamento: 35 km
Total: 399 km

 a £ltima etapa antes do esperado dia de descanso. Os 300 quil“metros de pista sÆo r pidos, cheios de obst culos e exigem muito do piloto. Nos 20 £ltimos quil“metros, os competidores passam aos p‚s da gigantesca e m¡tica duna de Chinguetti. Esta etapa foi tra‡ada para que mesmo os competidores amadores consigam chegar cedo ao acampamento para aproveitar o dia de descanso.