Apenas 535 km separam Coma do tetracampeonato do Dakar - imagem de divulgação KTM

Dakar 2014: décima segunda e penúltima etapa

MARC COMA com as mãos no tetra

Coma é penalizado e Cyril Despres herda a vitória da 11ª etapa e vence também a 12ª etapa - foto de Benjamin Cremel/DPPI

Coma é penalizado e Cyril Despres herda a vitória da 11ª etapa; e vence a 12ª etapa - foto de Benjamin Cremel/DPPI

O título do Dakar 2014 está muito próximo de Marc Coma. O espanhol praticamente garantiu o tetracampeonato nesta sexta-feira (17), na 12ª etapa, entre as cidades chilenas de El Salvador e La Serena. Mesmo após ser penalizado na noite anterior em quinze minutos pela organização por conta da troca de motor, o piloto da KTM não perdeu o foco e finalizou a especial do dia, que teve 349 quilômetros, na segunda colocação, atrás do francês Cyril Despres (Yamaha). Ele ainda viu o seu maior concorrente ao troféu da 36ª edição, o também espanhol Joan Barreda (Honda), ter problemas mecânicos e completar apenas em sétimo.

Joan Barreda, um dia para ser esquecido - foto do arquivo do piloto

Joan Barreda, um dia para ser esquecido - foto do arquivo do piloto

Com o rival fora da disputa do título, Coma abriu 1h59min49s em relação ao agora vice-líder e companheiro de equipe Jordi Viladoms, quinto mais rápido do dia.

A terceira colocação no cronometrado ficou com o francês Olivier Pain (Yamaha), seguido de Helder Rodrigues (Honda).Já Barreda teve um dia para ser esquecido. Ele caiu em uma área de dunas do quilômetro 264,  próximo a Copiapó, e danificou o equipamento. Com problemas, teve que se esforçar para finalizar sua participação na especial na 68ª colocação.

A 12ª etapa do Dakar 2014 começou com novidades: o líder das motos no geral, Marc Coma, teve que trocar o motor da sua KTM, sem o qual não conseguiria concluir a especial do dia. Isso lhe custou uma penalização de 15 minutos e como resultado, Coma perdeu a vitória de ontem, que passou para as mãos de Cyril Despres.

O dia também não foi bom para a Honda. Joan Barreda teve problemas com a suspensão da sua moto lá pelo km 264 e teve que parar para recuperar o dano, tendo relativo sucesso. Entretanto o problema fez com que seu progresso passasse a ser muito lento e para complicar, ainda faltavam 25 km de dunas na parte final da especial, o que transformou-se em um pesadelo para Barreda. Até então era considerada muito improvável a sua chegada ao final da etapa mas o espanhol mostrou ser guerreiro e conseguiu levar sua moto até à linha de chegada, apesar de ficar a 02h29m35s atrás do vencedor do dia. Com esse resultado, Barreda caiu de 2º para 7º na classificação geral, ficando a 03h04m54s do líder Marc Coma.

Apenas 535 km separam Coma do tetracampeonato do Dakar - imagem de divulgação KTM

Apenas 535 km separam Coma do tetracampeonato do Dakar - imagem de divulgação KTM

MARC COMA“Foi novamente uma etapa muito longa em que eu tive que optar por uma pilotagem mais conservadora. Depois da primeira parte da etapa, eu andava lado a lado com Cyril (Despres). Foi particularmente preocupante porque é sempre difícil completar esta fase. Então, eu estou feliz por estar aqui, porque foi um dia muito difícil. Ainda há 150 km na especial de amanhã até Valparaíso, e são muitos quilômetros. A chave é manter o foco. Devemos permanecer vigilantes, o que não é fácil. Amanhã vamos ter de continuar com a mesma estratégia de hoje”.

CYRIL DESPRES“Hoje eu pilotei em ritmo acelerado. Marc percebeu que estava atrás dele na altura do km 150, então eu acelerei, porque sabia que teria de atacar para ganhar alguns minutos. Hoje voltamos a enfrentar uma difícil especial, especialmente em termos de navegação durante os últimos 50 km. No entanto, eu realmente gostei do dia, foi uma boa adrenalina moral para mim. Estou feliz”.

O Dakar 2014 chega à última etapa neste sábado (18), com uma especial de 157 km entre as cidades de La Serena e Valparaíso, no Chile. O trecho cronometrado vale o título da 36ª edição.

Resumo da 12ª etapa (17/1)
Percurso: El Salvador (CHI) a La Serena (CHI)
Deslocamento: 349 km
Especial: 350 km
Total: 699 km

Mapa da décima segunda etapa do Dakar 2014

Mapa da décima segunda etapa do Dakar 2014

Resultado da 12ª etapa – Motos
1º Cyril Despres #1 (Yamaha) 3h58min18s
2º Marc Coma #2 (KTM) +2min17s
3º Olivier Pain #6 (Yamaha) +5min53s
4º Helder Rodrigues #7 (Honda) +7min21s
5º Jordi Viladoms #4 (KTM) +9min10s

Resultado acumulado após 12 etapas – Motos
1º Marc Coma #2 (KTM) 52h40min16s
2º Jordi Viladoms #4 (KTM) +1h59min49s
3º Olivier Pain #6 (Yamaha) +2h10min16s
4º Cyril Despres #1 (Yamaha) 2h14min01s
5º Helder Rodrigues #7 (Honda) +2h20min39s

Programação do Rally Dakar 2014

Programação do Rally Dakar 2014

Como será a 13ª e última etapa – Cuidado com os espinhos
Antes de admirar as encostas trazidas à vida pelas casas em Valparaíso, os competidores terão que subir os morros repletos de cactos durante a última etapa especial do rali. O orgulho e alegria de atravessar a linha de chegada estão se aproximando, mas as estatísticas são duras: todos os anos, um ou mais pilotos fracassam neste exercício final, então prudência é essencial! Mesmo tão próximo à chegada, a cautela é a melhor aliada dos competidores para assegurar sua presença no pódio.

Resumo da 13ª e última etapa (18/1)
Percurso: La Serena (CHI) a Valparaíso (CHI)
Deslocamento: 378 km
Especial: 157 km
Total: 535 km

Com o desfecho da última etapa, terão sido percorridos 8.733 km no total.

Roteiro do Rally Dakar 2014

Roteiro do Rally Dakar 2014