Felipe Zanol desbrava percurso francês no Mundial de Enduro

Atual campeão português, Felipe Zanol planeja para este final de semana mais um passo importante na disputa do Campeonato Mundial de Enduro.

O brasileiro, que conta com o patrocínio da ASW, segue para a sexta etapa da competição, na cidade de Uzerche, na França. Na etapa anterior, disputada há uma semana, Zanol cumpriu seu objetivo e passou para a 16a posição entre os concorrentes. Uma colocação importante, já que o campeonato conta com mais de 100 pilotos de todas as partes do mundo. O mineiro soma atualmente 38 pontos. A liderança continua com o francês Jonny Aubert.

Zanol tem ganhado destaque na competição pouco a pouco. Depois de ser surpreendido com alguns problemas nas primeiras corridas, o brasileiro evoluiu. A experiência de ter sido campeão português também foi essencial. “Melhorei bastante na última prova. Espero que consiga um bom resultado para subir um pouco mais na classificação neste final de semana. A disputa por essas posições, entre a 15a e 21a, está muito grande.”

Logo atrás de Zanol está o belga Jean François Goblet, com apenas um ponto de diferença. No início da temporada, o brasileiro tinha o objetivo de ficar entre os dez primeiros colocados no Mundial. Segundo o piloto, esta meta está um pouco distante, mas ele ainda não desistiu. “Mesmo não terminando entre os dez, vou tentar me aproximar o máximo possível.” A decisão do Mundial está marcada para outubro, também em solo francês – serão oito etapas no total.

O brasileiro está na França desde terça-feira para fazer os últimos acertos e reconhecer o terreno. O percurso a ser percorrido é de 55 quilômetros. Em 2001, a pequena cidade francesa foi sede do Six Days. Até agora, o piloto gostou do que viu. “Já dei uma volta no percurso. A prova irá contar com alguns trechos rápidos e outros bastante técnicos. Vou precisar de muita atenção na parte do Extreme, que contém alguns troncos e saltos também. Se não tomar cuidado, nós acabamos perdendo tempo”, descreveu.

“Me parece que vai ter sol. Tomara que não chova, como na última etapa na Inglaterra”, continuou o piloto. Zanol faz parte do Team CRN/Motofundador. Para vencer os obstáculos que encontra durante os percursos, ele utiliza camisa e calça ASW Podium 08, capacete Acerbis Impact 08 e bota Acerbis X-Tight 08.