Foto: Hector Assunção, piloto da categoria Júnior

Hector Assunção e Enzo Lopes comemoram título do Arena Cross por antecipação em S.J. do Rio Preto(SP)

Foto: Hector Assunção, piloto da categoria Júnior

Foto: Hector Assunção, piloto da categoria Júnior

A sexta etapa do Arena Cross movimentou a cidade de São José do Rio Preto, no interior de São Paulo. Sob os olhares atentos de 8 mil pessoas, os competidores travaram grandes duelos. O mérito maior foi para os pilotos Hector Assunção (Honda/Mobil/Pirelli) e Enzo Lopes (Freeday/Kaman) que de forma antecipada garantiram o título por antecipação das categorias Júnior e 50cc, respectivamente.

Na categoria Pro, que reúne a elite da modalidade, Jean Ramos (Honda/Mobil/Pirelli) foi o vencedor da noite, com uma vitória e um segundo lugar, nas duas baterias da classe. Na 85cc, Endrews Armstrong (Guto Herthal Racing) faturou o primeiro lugar. Já na 65cc, Gustavo Pessoa (ASW/Brasil Racing) terminou com a ponta.

Carlinhos Romagnolli Produções e Eventos, empresa organizadora do Arena Cross, disse que se sentiu muito feliz em trazer a prova ao município que não recebia grandes eventos de motociclismo há tempos. -Gostaria de agradecer à prefeitura e ao povo de São José do Rio Preto. Na segunda-feira teremos mais uma festa na mesa de muitas famílias que receberão 8 mil quilos de alimentos arrecadados com os ingressos-, lembrou.

Na primeira bateria da categoria Pro, a disputa ficou entre o goiano Wellington Garcia (Honda/Oakley/ASW) e o mineiro Swian Zanoni (Honda/Mobil/Pirelli). Os dois fizeram uma forte largada e travaram duelos acirrados. Com um problema no pneu, Swian teve de abandonar a prova dando espaço ao adversário que a partir daí não teve dificuldades em cruzar a linha de chegada. Jean Ramos e Leandro Silva chegaram na sequência.

A segunda e decisiva bateria da Pro começou melhor para Marcello -Ratinho-. O paulista largou na frente seguido de perto por Jean Ramos e Thales Vilardi. Além disso, Swian Zanoni fez bonito. O mineiro, que não conseguiu uma boa largada, ficou para trás, mas conseguiu se recuperar durante a prova e alcançou o segundo lugar. No final Jean Ramos teve um excelente desempenho. O paranaense se manteve na ponta e acabou com o primeiro lugar na bateria e também na etapa. -Tive uma boa participação. Estava despreparado porque estou voltando de uma lesão. Aprendi muito estas duas semanas que tive para treinar. Consegui trabalhar duro. Ainda não estou 100%. Guardei um gás para o final e saí com a vitória-, analisou Jean.

Júnior – A disputa da categoria Júnior levantou o público. Com uma forte disputa entre vários pilotos, o catarinense Gabriel Gentil (KTM/Rinaldi) acabou levando a melh or, mas foi Hector Assunção quem teve mais motivos para festejar. O paulista comemorou por antecedência o título do campeonato, depois de terminar com o terceiro lugar na prova. -Vencer por antecedência me deixa mais tranquilo. Estou muito feliz, no entanto, ainda quero vencer a próxima etapa para fechar com chave de ouro.- O vencedor da noite também comemorou. -Fiz um trabalho forte e liderei várias corridas, infelizmente tive um acidente e não deu para fechar o campeonato em primeiro, mas está ótimo.- Dudu Lima completou o pódio no segundo lugar.

50cc – O gaúcho Enzo Lopes (Freeday/Kaman Honda) mostrou que tem um grande futuro pela frente. O jovem piloto foi o primeiro a conquistar o título antecipado da competição. Invicto até aqui, ele mais uma vez deu um show na pista. Largou na frente e dominou a prova o tempo todo. O garoto de 10 anos já competiu em 2009 na categoria 65cc pelo Brasile iro e se prepara para estrear na nova categoria no Arena no próximo ano. -Este ano fui muito bem e quero treinar bastante para ir bem na 65cc também.-

65cc – Hugo Herthal (Guto Herthal Racing) largou forte e assumiu a ponta, ocupada pouco tempo depois por Pepê Bueno (Castello Works/Brasil Racing). O piloto permaneceu na frente todo o início da disputa, mas acabou perdendo posições para Gustavo Pessoa que cravou a vitória. Para ele o resultado, que acabou colocando-o na vice-liderança do campeonato, atrás de Pepê Bueno, representou uma superação. -Para mim esta vitória foi mais que importante. Estou com problema no joelho, com dor, mas larguei bem e consegui superar-, destacou.

85cc – Em uma ótima fase, Endrews Armstrong (Dunas/General Motors) coroou mais uma vitória na competição. Depois do holeshot de Math eus Corguinha, o piloto arrancou na frente sem dar chance aos adversários. O resultado animou ainda mais Endrews na busca de mais pontos na última etapa. -Foi uma boa prova. Consegui passar o Matheus já no início. Não foi fácil, porque a pista estava muito lisa.-Anderson Amaral (Irrigação Borborema) e Everaldo Filho (Honda/ASW) foram o segundo e terceiro colocados respectivamente.

Disputa por equipes – Com a soma da quinta etapa no ranking geral por equipes, a Honda/ASW (Wellington Garcia e Swian Zanoni) permanece em primeiro lugar com o total de 246 pontos, seguida pela Honda/Pirelli (Leandro Silva e Jean Ramos) com 209 pontos e Suzuki/Petrobras (Rossevelt Assunção e Rafael Zenni), com 181 pontos. As equipes são formadas por dois pilotos da categoria Pro. O time campeão será decidido através de pontos, ou seja, os dois pilotos somam os pontos obtidos e, no final da temporada, será definida a grande campeã

Resultados da 6a etapa – Pro – 1ª bateria
1- WELLINGTON GARCIA (HONDA/OAKLEY/ASW)
2 – JEAN CARLOS RAMOS (HONDA/MOBIL/PIRELLI)
3 – LEANDRO SILVA (HONDA/MX PARTS)
4- ROOSEVELT ASSUNÇÃO (SUZUKI/PETROBRAS/PIRELLI)
5 – PIPO CASTRO (CONSORCIO REALIZAR/MART)

Pro – 1ª bateria
1- WELLINGTON GARCIA (HONDA/OAKLEY/ASW)
2 – SWIAN ZANONI (HONDA/MOBIL/PIRELLI)
3 – WELLINGTON GARCIA (HONDA/MOBIL/PIRELLI)
4- MARCELLO RATINHO (HONDA/MOBIL/PIRELLI)
5 – THALES VILARDI (HONDA/MOBIL/PIRELLI)

Júnior
1- GABRIEL GENTIL (KTM/RINALDI)
2 – DUDU LIMA (HONDA/ASW/MOBIL)
3 – HECTOR ASSUNÇAO (HONDA/ASW/MOBIL)
4 – GUSTAVO TAKAHASHI (HONDA/MOBIL/ASW )
5 – JOÃO PAULO FELTZ(PRIVADO/APOIO GERACAO MOTOS)

50cc
1 – ENZO LOPES – (FREEDAY/CAMAN HONDA)
2 – CARLINHOS EVANGELISTA (BRASIL RACING)
3 – RENATO PAZ -Muguinho- (PLAST/MR PRO)
4 – LUCAS ERTHAL (GUTO ERTHAL RACING)
5 – LEONARDO DE AMLMEIDA (JARVA RACING)

65cc
1 – GUSTAVO PESSOA (ASW/BRASIL RACING)
2 – PEPÊ BUENO (CASTELLO WORKS/BRASIL RACING)
3 – HUGO HERTHAL (GUTO HERTHAL RACING)
4 – DJALMA BRITO (BRASIL RACING)
5 – -TUILZINHO- HUGO (ASW/2B/LEM)

85cc
1- ENDREWS ARMSTRONG (DUNAS/GENERAL MOTOS)
2 – ANDERSON AMARAL (IRRIGAÇÃO BORBOREMA)
3- EVERALDO LIMA FILHO (HONDA RACING/ASW)
4 – CEZAR ZAMBONI (HONDA RACING)
5 – THIAGO FORME HL (HONDA/PIRELLI)

Campeonato por equipes
1° HONDA / ASW (Welligton Garcia / Swian Zanoni) – 298
2° HONDA / PIRELLI (Leandro Silva / Jean Ramos) – 261
3° SUZUKI / PETROBRAS (Roosevelt Assunção / Rafael Zenni) – 221
4° HONDA / MOBIL (Marcelo Lima / Thales Vilardi) – 218
5° 2B RACING (Pipo Castro / Mariana Balbi) – 145
6° KTM / RED NOSE (Douglas Parise / Rafael Faria) – 129
7° PRÓ-TERRA RACING TEAM (Uyran Carlos /Heinz Chrispim ) – 31

Para acessar o resultado completo de todas as categorias, acesse. E aqui para conferir o ranking após a quarta etapa.