Are you Ready?, “você está pronto?

KTM anuncia seus planos no Brasil

Are you Ready?, “você está pronto?

Are you Ready?, “você está pronto?

Com uma estratégica chegada ao Brasil, a KTM anuncia o começo de sua operação industrial com uma joint venture, e fábrica própria em Manaus. Vislumbra o compromisso de uma longa e produtiva presença no País. Sua fábrica, concessionárias e sistemas de assistência técnica, peças e acessórios vão operar um negócio avançado, com uma gestão planejada para ser poderosa no mercado brasileiro
 
A KTM é uma empresa capaz de mudar conceitos e por isso chega ao Brasil com o slogan  Are you Ready?, “você está pronto? Acredita poder fazer este enorme país pensar diferente sobre o mercado de 2 rodas. Sublinha que poucos acreditaram neste conceito quando foi lançado, mas ele levou uma empresa austríaca a ser o segundo maior fabricante europeu de motocicletas, acreditando que brevemente será líder europeu.
 
De fato, a KTM  já é a maior no segmento das motos de baixa cilindrada, com o lançamento no ano passado da KTM Duke 125, um produto novo que mudou o conceito das motos de entrada, entre os jovens europeus. Mostrando que podem ser de alto desempenho, design avançado e divertidas. A chegada da KTM ao Brasil planeja mudar também aqui o conceito.
 
A  marca espera levar o motociclista entusiasmado a repensar, apresentando um desafio que faça o mercado entender, por exemplo,  por que uma KTM MX de 350 cilindradas pode bater as concorrentes de 450 no campeonato mundial de motocross. Porque as KTM têm um gerenciamento de projeto capaz de embarcar mais e mais tecnologia, sem aumentar o peso, sem sacrificar o preço.
 
A companhia chega ao Brasil tomando-o  como seu mercado mais importante, e por isso montando com uma fábrica de última geração em Manaus. Curvando-se, para mostrar que pode fazer motos que quebrem os conceitos antigos. A KTM é muito admirada por pilotos e pelo público jovem, tendo a competência no sangue, para criar e fabricar motos de sonho, para conpetir, para usar e se divertir ao extremo.
 
Este ano ainda não terminou e a KTM já tem no motocross 7 títulos mundiais de pilotos e outros 5 de construtores.
A vitória de Marc Coma no Rally Dakar, a décima consecutiva da marca, neste ano com 6 motos entre os dez primeiros colocados, entre eles o brasileiro Jean Azevedo, vencedor em sua categoria. E ainda a segunda vitória de Cyril Despres no Rally dos Sertões, no ano que mais pilotos internacionais estiveram na prova.
 
Saindo da terra para o asfalto,  sua poderosa bicilíndrica RC8 R venceu o principal campeonato europeu de superbikes, o alemão.
São então e por enquanto, porque o ano não acabou,  203 títulos mundiais. A companhia entende que isso diz muito, sobre ela e suas motos.