Moto1000GP_1_12_07

Moto 1000 GP: prova em Cascavel terá piloto local que corre nos EUA

Confirmada para dia 25 de agosto em Cascavel (PR), a 4ª etapa do Moto 1000 GP tem confirmada a presença de um piloto da cidade no grid da principal categoria, a GP 1000. Nico Ferreira, de 27 anos, vai disputar a corrida pilotando a Kawasaki ZX10-R da HPN Racing. Nascido em Cascavel, Ferreira jamais participou de uma corrida no Autódromo Zilmar Beux, que recebe pela segunda vez o Campeonato Brasileiro de Motovelocidade.

Nico Ferreira, confirmado na próxima etapa do Moto 1000 GP

Nico Ferreira, confirmado na próxima etapa do Moto 1000 GP

Piloto de motovelocidade desde 2005, Ferreira disputa regularmente o AMA Superbike, categoria estadunidense de âmbito nacional, e o CCS Racing, campeonato da Flórida em que já obteve duas vitórias na atual temporada. No ano passado, depois de vencer as 500 Milhas Brasil formando dupla com Eric Granado, o piloto cascavelense fez uma participação na Moto 2 em Jerez de La Frontera, na Espanha, e optou pelas competições nos EUA, onde mora.


“Sempre quis correr em Cascavel, perto dos amigos e da família. Dei sorte de essa corrida não coincidir com nenhum dos campeonatos em que defendo a DMS nos Estados Unidos”
, comenta o piloto. “A moto que vou pilotar em Cascavel é igual à daqui, estou levando vários mapas de ajustes do motor e de suspensão, isso torna o trabalho um pouco menos difícil. Espero manter a HPN onde ela merece estar, que é no pelotão da frente”, acrescenta.

A primeira participação numa corrida no autódromo de sua cidade natal não representará a estreia de Nico Ferreira no Moto 1000 GP. Ele já participou da competição na etapa final de 2011, no Rio de Janeiro (RJ). Segundo no grid das duas provas – a primeira temporada era composta por rodadas duplas –, o piloto abandonou a primeira prova e terminou a outra em quarto lugar. As duas vitórias em Jacarepaguá foram do argentino Diego Pierluigi.

Seis pilotos vão defender a HPN Racing na etapa de Cascavel do Moto 1000 GP. Na GP Light, os representantes da equipe são os pernambucanos Flavinho Sukar e Paulinho Kamba, sétimo e nono colocados na classificação do Moto 1000 GP, e o baiano Francisco Snoeck, que está na 17ª colocação. Os pilotos da HPN na GP 600 são o paulista Gustavo Ceccarelli, 14º na tabela de pontuação, e o pernambucano Rodrigo Souza, que está em 18º.