Motocicletas: setor registra um aumento gradativo nas vendas

Vendas crescem 6,7% em setembro, mas ainda seguem abaixo do período pré-crise. Produção acumulada de janeiro a setembro tem crescimento de 14,8%

O Setor Duas Rodas registrou em setembro elevação moderada em vendas e produções. Segundo dados divulgados pela Abraciclo – Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares – foram vendidas para as concessionárias 174.661 unidades no mês passado, o que significa um acréscimo de 17,4% em relação ao mesmo período de 2009. No comparativo com agosto, o aumento é de 6,7%. Com os novos números o setor registra a quinta elevação consecutiva nas vendas de motocicletas.

“Os números mostram que o setor tem gradativamente superado as perdas do ano passado, mas que ainda estamos aquém dos dados registrados em 2008, antes do início da crise, quando tivemos vendas aproximadamente 6% superiores às deste mês. Estamos no caminho certo, mas ainda temos que superar alguns obstáculos”, afirma Jaime Teruo Matsui, presidente da Abraciclo.

Produção
O terceiro trimestre começou com boas perspectivas também para a produção, que alcançou 182.266 unidades em setembro, o que representa um avanço de 9,9% em comparação com o mesmo mês de 2009. Já em relação ao mês anterior, o aumento é de 5,4%. A produção acumulada de janeiro a setembro de 2010 registrou um aumento de 14,8%, com 1.368.890 unidades, contra as 1.192.057 unidades do mesmo período do ano passado.

“As restrições ao crédito estão diminuindo gradativamente. Percebemos, portanto, um reaquecimento do mercado junto às instituições financeiras, o que colabora para a melhoria dos números”, afirma Matsui.

Exportações
Com 6.645 unidades, as vendas no mercado externo apresentaram uma queda de 6,2% em comparação com agosto (7.087). Apesar disso, houve um crescimento de 54,2% em relação ao mesmo período de 2009 (4.308).