bmw-g310gs_4

BMW G 310 GS: pronta para o lançamento no Brasil

A versão on-off-road da novíssima linha de motocicletas “pequenas” da BMW Motorrad já está pronta para seu lançamento no Brasil. A G 310 GS foi exibida em “Avant-Première” no EICMA 2016 (Salão de Milão), no início de novembro, e o que era uma promessa já roda pelas ruas e estradas brasileiras em fase final de ajustes para o lançamento, ainda sem data definida.

Mas se você está pensando numa trail como a Honda XRE 300 ou mesmo a Yamaha Ténérézinha (XTZ 250), aguarde um pouco porque a versão diminuída das campeãs de venda da BMW – 800 GS e 1200 GS – vem aí e pode se configurar numa boa opção. Claro, tudo vai depender do preço, principalmente.

Segundo as informações preliminares da BMW, a G 310 GS segue o padrão da família GS, onde a versatilidade é um dos principais atributos. Com agilidade para o trânsito urbano e robustez para o uso no fora-de-estrada, a moto deve se configurar como “a companheira perfeita para as aventuras diárias”, como escreveu a Motorrad. Compacta, leve e confortável, como tem que ser as trail de pequeno porte, a nova moto procura ainda trazer a sofisticação de suas irmãs maiores.

O design é inconfundível e claramente pode ser identificada à primeira vista como uma autêntica GS. Com seu para-lamas dianteiro característico, alto e curto, a BMW G 310 GS apresenta elementos clássicos de suas irmãs da linha GS. Suas proporções compactas com um entre eixos relativamente curto (1420 mm) e a roda dianteira de 19 polegadas dão à G 310 GS ao mesmo tempo porte de moto grande, mas agilidade de uma moto menor.

Como a G 310 R, a G 310 GS também é projetada para ser um produto global. Para isso o sistema de alimentação já está preparado para suportar diversos tipos de qualidade de combustível e satisfaz todos os padrões de emissões e requisitos locais. Segundo a Motorrad, “a G 310 GS estará em casa em todas as estradas do mundo, trazendo à marca BMW aspirações premium para o segmento abaixo de 500 cc.”

Design segue o padrão da família GS, com o bico característico sob o farol dianteiro

Design segue o padrão da família GS, com o bico característico sob o farol dianteiro

O motor é o mesmo da irmã naked, um monocilíndrico de refrigeração líquida, de 313 cc (80,0 mm x 62,1 mm), com quatro válvulas e dois eixos de comando, juntamente com a injeção eletrônica de combustível. Uma característica deste motor é o cilindro inclinado para trás, com o cabeçote invertido em 180 graus: entrada na parte frontal, saída na parte traseira. Esta configuração provê abastecimento direto e potencializa a mistura ar-combustível, determinando uma potência de 34 cv a 9.500 rpm e um torque máximo de 2,9 kgf.m a 7.500 rpm para empurrar os 169,5 kg (sem carga) da nova moto.

Motor com um cilindro inclinado para trás muda toda arquitetura tradicional; cabeçote invertido em 180 graus, entrada na parte frontal, saída na parte traseira

Motor com um cilindro inclinado para trás muda toda arquitetura tradicional; cabeçote invertido em 180 graus, entrada na parte frontal, saída na parte traseira

Pensada para pilotos de todos os tamanhos e habilidade, a nova G 310 GS oferece uma posição de pilotagem relaxada, oferecendo conforto na cidade, na estrada ou fora dela e em todos os tipos de terreno. Os comandos seguem o padrão da marca, com operação simples e segura, levando em conta as diversas anatomias do condutor, para garantir uma experiência cômoda e agradável.

No punho esquerdo, botão para desligar o ABS

No punho esquerdo, botão para desligar o ABS

Em termos de chassi, a nova G 310 GS é semelhante à roadster G 310 R, contando com uma estrutura tubular de aço com seção traseira de parafuso, que combina rigidez de torção com robustez, proporcionando uma pilotagem com respostas precisas. A suspensão da roda dianteira traz um garfo telescópico invertido, enquanto na parte traseira há um braço oscilante de alumínio em conjunto com um amortecedor com ajuste na pré-carga da mola sem link.

Como todas as motocicletas BMW, a nova G 310 GS vem com sistema ABS de fábrica que, combinado com o sistema de freio à disco simples nas duas rodas, garante o desempenho adequado à proposta da moto. O ABS da G 310 GS pode ser convenientemente desativado pressionando um botão, se necessário, algo muito útil quando em condução no fora-de-estrada. O painel de instrumentos da G 310 GS possui uma grande tela de cristal líquido que oferece uma vasta gama de informações.

Assim como a G 310 R, a G 310 GS representa tudo o que a BMW deseja transmitir aos seus consumidores: modernidade, qualidade e muitos anos de parceria com o proprietário. Como já foi declarado antes pelos executivos da marca germânica, G 310 GS e também sua irmã G 310 R querem trazer uma opção de entrada para o mundo premium da BMW Motorrad.

Ficha Técnica BMW G 310 GS

Motor Um cilindro, 4 tempos, arrefecido a líquido, 4 válvulas, DOHC
Capacidade cúbica 313 cc
Diâmetro X Curso 80mm x 62,1mm
Taxa de compressão 10,6:1
Sistema de partida Elétrica
Bateria 12V – 8 Ah
Sistema de Ignição Eletrônica
Tipo de combustível Gasolina
Capacidade do tanque de combustível 11 litros
Alimentação Injeção Eletrônica
Torque máximo 2,9 kgf.m a 7500 rpm
Potência máxima 34 cv a 9500 rpm
Transmissão 6 velocidades
Embreagem Multidisco em banho de óleo
Transmissão final Corrente
Tipo de chassi Estrutura tubular de aço com sub-chassi parafusado
Pneu dianteiro 110/80 R19
Pneu traseiro 150/70 R17
Freio dianteiro Disco simples de 300 mm com ABS
Freio traseiro Disco simples de 240 mm com ABS
Comprimento total 2.075 mm
Altura total 880 mm
Altura do assento 835 mm
Trail 98 mm
Rake 63,3º
Peso em ordem de marcha 169,5 kg
Distância entre eixos 1.420 mm
Suspensão dianteira Garfo telescópico invertido, tubos de 41 mm de diâmetro e 180 mm de curso
Suspensão traseira Balança de alumínio, um amortecedor c/ regulagem na pré-carga da mola, s/ link e 180 mm de curso
Consumo (dados de fábrica) 3,33 litros / 100 km
Capacidade total de carga 345 kg
Velocidade máxima (dado de fábrica) 143 km/h

Separador_motos



Sidney Levy

Motociclista e jornalista, une na atividade profissional a paixão pelo mundo das motos e a larga experiência na indústria e na imprensa.