Foto: Rally dos Sertäes 2008 ser  realizado entre 18 e 28 de junh

Sem Dakar, Rally dos Sertões pode ser a melhor alternativa

Foto: Rally dos Sertäes 2008 ser  realizado entre 18 e 28 de junh

Foto: Rally dos Sertäes 2008 ser realizado entre 18 e 28 de junh

Maior rali das Am‚ricas tem diversos trunfos, como ambiente pac¡fico e baixas densidades demogr ficas no trajeto

SÆo Paulo (SP) – Depois das amea‡as terroristas que fizeram com que o Dakar fosse cancelado na v‚spera da largada, nesta sexta-feira em Lisboa, o Rally Internacional dos Sertäes, realizado h  16 anos no Brasil, pode ser a melhor alternativa para esse tipo de competi‡Æo que envolve carros, motos, caminhäes e quadriciclos. A prova brasileira, que ‚ o maior evento off-road das Am‚ricas, acontecer  de 18 a 28 de junho e ter  cerca de 5.000 quil“metros entre Goi s, na regiÆo central do pa¡s, e o Nordeste.

O Sertäes tem v rios pontos a favor. J  faz parte do Campeonato Mundial de Rally Cross Country para motos e quadriciclos e est  no calend rio oficial da FIA (Federa‡Æo Internacional de Automobilismo) desde 2007. Tamb‚m oferece todas as vantagens para a realiza‡Æo desse tipo de prova: no Brasil nÆo existem ataques ou amea‡as terroristas; as regiäes por onde passa a competi‡Æo tˆm baixa densidade demogr fica (seguran‡a a mais para a popula‡Æo local) e, ao contr rio de outros ralis, o roteiro seria desenvolvido em um pa¡s, uma preocupa‡Æo a menos para os participantes – apenas uma moeda local, pol¡tica e costumes £nicos e somente um idioma. O Dakar atravessa pelo menos cinco pa¡ses, cada um com caracter¡sticas pr¢prias.

O Sertäes j  contou com a participa‡Æo de grandes nomes do rali, como o francˆs Cyril Despr‚s, campeÆo do mundo e tamb‚m do Dakar nas motos, os espanh¢is Marc Coma e Jordi Arcarons e o austr¡aco Heinz Kinigadner, entre outros.

A prova brasileira ‚ organizada pelo empres rio Marcos Erm¡rio de Moraes, presidente da Dunas Race. A largada acontecer  em Goi s e a chegada vai ser em uma praia do Nordeste. Ao todo serÆo, aproximadamente, 5.000 quil“metros. Em 2007, o Sertäes reuniu 250 participantes distribu¡dos em 82 motos, 60 carros, 10 caminhäes e oito quadriciclos. Os vencedores foram Jos ‚ H‚lio (motos), Maur¡cio Neves/Cl‚cio Maestrelli (carros), Edu Piano/Solon Mendes/Davi Fonseca (caminhäes) e Maur¡cio Costa Ramos, o Öndio (quadriciclos).

Responsabilidade s¢cio-ambiental – Outro ponto que destaca o Sertäes no calend rio internacional sÆo as a‡äes s¢cio-ambientais desenvolvidas pelo evento. Apenas em 2007, 355.293 de pessoas 10 cidades das regiäes Centro-Oeste, Norte e Nordeste foram beneficiadas de forma direta com importantes iniciativas nas  reas de sa£de, meio ambiente, cultura e educa‡Æo. Os trabalhos sociais sÆo desenvolvidos no Sertäes desde 2002.

J  na  rea ambiental, o pioneiro projeto do Rally dos Sertäes foi reconhecido internacionalmente no final do ano passado, tanto que ganhou o Prˆmio Latino-Americano de Meio Ambiente (oferecido pela UniÆo Latino-Americana de Motociclismo, entidade ligada … F edera‡Æo Internacional de Motociclismo). H  sete anos, o evento entrega a todos os participantes sacos pl sticos de cem litros, sacolinhas para os carros e cinzeiros, para que ningu‚m jogue pontas de cigarro no chÆo, al‚m de uma cartilha sobre a importƒncia das iniciativas.

SÆo indicados ainda onde estarÆo os coletores de ¢leo, de pilhas e da  rea de concentra‡Æo do lixo. Depois da partida do £ltimo ve¡culo em cada etapa, uma equipe segue o percurso da prova, recolhendo qualquer tipo de detrito. Outro destaque ‚ a coleta de ¢leo derramado no solo, que exige uma s‚rie de procedimentos para que nada fique no meio ambiente.