109_320x

SuzHonda, HondSuz ou CRMZF 450 você não faz idéia do que é isso

Imagine o desafio. Pegar um motor de uma moto cross Suzuki RMZ de 450 cilindradas e enxertar no chassi de uma Honda CRF 230. Parece impossível. Seria como colocar o coração de um boi no corpo de um gato.

CRF 230 + RMZ 450 dá no que?

CRF 230 + RMZ 450 dá no que?

A Polaco motos encarou o desafio e promete colocar em prova o resultado. Difícil vai ser dominar o garrote, mas para isso ele vai contar com as suspensões da RMZ que passam a colaborar com a dirigibilidade rápida da CRF.
O Valmir da Polaco Motos diz que um pouco da geometria da CRF foi alterada para maior velocidade e estabilidade nos obstáculos. Ele não nos forneceu os números mas é de se esperar que nesse enxerto a ciclística é que pode sofrer o maior impacto. Para absorver tanta potência o chassi teve que ser reforçado em vários pontos mas ainda assim, a moto toda pesa apenas 102 Kg e a potência despejada pelo motor está na ordem de 60 cv, medido no seu dinamômetro.

= CRMZF 450 para correr na categoria nacional, será que pode?

= CRMZF 450 para correr na categoria nacional, será que pode?

Como o primeiro motor injetado para motocross, fabricado em 2009 pela Suzuki, dominar essa fera vai ser o maior desafio para o piloto. Imagine 60cv numa moto de 102 Kg. uma relação peso/potência de 1,7Kg/cv.  (fora piloto). Vai ser duro ele ficar em cima dela…

Obs.: Para facilitar a discussão sobre esse assunto, criamos um tópico no fórum para os motonliners. Clique aqui para acessar o tópico.