triumph tiger explorer

Triumph Tiger Explorer XCa chega nas lojas

Explorer XCa chega ao mercado nacional por R$ 78 mil

Explorer XCa chega ao mercado nacional por R$ 78 mil

A britânica Triumph está trazendo ao Brasil mais uma novidade, logo depois de sua remodelada linha clássica Bonneville chegar às lojas, é a vez da Tiger Explorer XCa tomar o varejo. O modelo chega esta semana às 14 concessionárias instaladas no Brasil oferecendo vários equipamentos que prezam pelo conforto e segurança além dos já presentes no modelo XCx, recentemente lançada no mercado brasileiro junto da versão XR.

Na lista de atrativos da nova Triumph Tiger Explorer XCa, estão dois novos modelos de pilotagem (“esportivo” e “piloto”, que adotam diferentes configurações para suspensão, freios ABS, controle de tração e mapas de aceleração),  para-brisas de viagem com ajuste elétrico, bancos do piloto e do garupa com aquecimento, pedaleiras em CNC e faróis de neblina em LED. Além disso, há o Hill Hold Control System, um sistema de controle de parada em ladeiras que aumenta a segurança do piloto ao parar a moto numa subida, similar ao equipamento que está se tornando popular em carros.

Triumph Tiger Explorer XCa

Triumph Tiger Explorer XCa

Triumph Tiger Explorer XCa

Visão lateral - direita

Visão lateral - direita

Visão lateral - esquerda

Visão lateral - esquerda

Triumph Tiger Explorer XCa

Vista superior. Detalhe para o tanque com 20 litros de capacidade

Vista superior. Detalhe para o tanque com 20 litros de capacidade

Triumph Tiger Explorer XCa

Outro recurso presente na moto é a Unidade de Medição de Inércia (IMU, ou Inertia Measurement Unit), que opera como um computador de bordo com leitura de navegação em tempo real, que faz a medição contínua do comportamento da motocicleta e de seus movimentos, de acordo com a taxa de inclinação do piloto, esterçamento e aceleração vertical, longitudinal e lateral. Em seguida, estas informações são processadas pela Unidade de Controle Central da Triumph Explorer (CCU, ou Chassis Control Unit), que oferece os dados relevantes ao sistema TSAS, através do qual ele otimiza continuamente as configurações de suspensão traseira. Os dados são utilizados para otimização dos freios ABS e do controle de tração também em curvas, oferecendo ao piloto a melhor frenagem e controle da motocicleta em todos os ângulos. O novo modelo também oferece, de série, o recurso de otimizar o uso dos freios ABS e do controle de tração nas curvas, por meio do monitoramento do ângulo de inclinação nas curvas.

Motor e visual da nova Triumph Tiger Explorer XCa

No material de divulgação da moto, a Triumph frisa que o modelo é uma “motocicleta adventure para pilotos que procuram por uma aventura emocionante e, ao mesmo tempo, segura e confortável – seja no caminho diário ao trabalho ou numa viagem intercontinental”. Para garantir toda esta versatilidade, ela usa o mesmo motor tricilíndrico das outras componentes da família, com 1.215 cc, 12 válvulas, 139 cv de potência máxima (a 9.300 rpm) e  123 Nm de torque (a 6.200 rpm). Soma-se aí a embreagem hidráulica, com discos múltiplos e auxílio de torque (slip assist).

Tiger Explorer XCa é se sai bem em pequenos passeios e ainda melhor ao devorar longas estradas

Tiger Explorer XCa é se sai bem em pequenos passeios e ainda melhor ao devorar longas estradas

Em comum com as as irmãs Tiger Explorer, a XCa também possui câmbio desenvolvido para facilitar as viagens, com uma relação de marchas mais longa. Além disso, a moto apresenta um novo sistema de escape e chassi. O conjunto Triumph inclui garfos telescópicos WP de 48 mm com retorno ajustável e amortecimento por compressão. Para maximizar o nível de controle de frenagem, toda a família, na dianteira, com dois discos oscilantes de 305 mm, monobloco Brembo de quatro pistões e fixação radial e, na traseira, com um disco único de 282 mm, com pinça deslizante de dois pistões.

Versão top de linha da família Tiger, XCa possui visual robusto e harmonioso. Mudanças no tanque e radiador visam economia de combustível e conforto

Versão top de linha da família Tiger, XCa possui visual robusto e harmonioso. Mudanças no tanque e radiador visam economia de combustível e conforto

O visual mantem a personalidade característica da Tiger Explorer. Seus painéis integram o para-lama dianteiro, ajudando a criar um design mais “atlético”, há nova carenagem do radiador e a aparência é reforçada por tampas de motor pintadas, contrastando com as caixas de motor pretas. Segundo a marca, além de estéticas, estas mudanças foram pensadas para melhorar o desempenho da motocicleta, diminuir o consumo de combustível e ampliar o conforto do condutor e garupa.

O que é o TSAS

Triumph Semi Active Suspension, ou apenas TSAS, é o novo Sistema de Suspensão Semi-Ativa da Triumph, que controla ativamente as configurações da suspensão. O sistema se adapta continuamente aos ajustes da suspensão conforme a pilotagem, entregando melhor controle e conforto em qualquer superfície, gerenciando ativamente as configurações de amortecimento e as definições de pré-carga para que elas respondam automaticamente à superfície da estrada, velocidade, peso do piloto, carga útil e terreno. O piloto pode selecionar o tipo de suspensão desejado, escolhendo entre “road” e “off-road”, com diferentes configurações de pré-carga e amortecimento para cada condição de pilotagem. Cada uma dessas configurações ainda possui nove diferentes etapas selecionáveis, que vão de “conforto” a “sport”.

Sistema Suspensão Semi-Ativa da Triumph (Triumph Semi Active Suspension, TSAS) garante pré ajustes de carga em várias pré definições, variando entre conforto e esporte, off e on road, para encarar qualquer terreno

Sistema Suspensão Semi-Ativa da Triumph (Triumph Semi Active Suspension, TSAS) garante pré ajustes de carga em várias pré definições, variando entre conforto e esporte, off e on road, para encarar qualquer terreno

Preço nas concessionárias: R$ 78.500,00

Separador_motos



Jornalista gaúcho convicto de que um passeio de moto em um dia de sol é a cura para praticamente todos os males da vida. Fã de motoaventurismo, competições de moto, café, praia e de rock n roll.