Dilema deles, problema nosso…

O Governo vive um dilema: ou reajusta os pre‡os dos combust¡veis este mˆs e assim pressiona ainda mais a infla‡Æo, que ficou em 2,19% em janeiro pelo Öndice de Pre‡os ao Consumidor, ou adia de novo o aumento e deixa em risco a rentabilidade da Petrobras, preocupando os acionistas.

A an lise ‚ de especialistas do setor para quem, caso o aumento seja autorizado, o pre‡o da gasolina para o consumidor subir  6,5% e o do diesel, 10%. J  nas refinarias a alta da gasolina seria de 14% e a do diesel, de 15,8%.

Uma fonte do Governo informou que nÆo d  para garantir se o reajuste sair  esta semana. O presidente da Petrobras, Jos‚ Eduardo Dutra e a ministra de Minas e Energia, Dilma Rousseff, ainda nÆo chegaram a um consenso.

E como sempre quem paga a conta e o pato, somos n¢s os £ltimos da fila.