Foto: André Garcia

Eliminador de páralama, Categorias de CNH, Leilão de motos, Documento de moto de trilha

Foto: André Garcia

Foto: André Garcia

Há uns dias atrás o André Garcia respondeu a um leitor que o eliminador de paralamas não é ilegal. Caso eu seja parado em uma blitz, qual argumento posso utilizar se o policial disser que é ilegal? Grato Gerson (37), São Paulo – SP

R: Não é ilegal, desde que não comprometa a leitura da placa. Se a placa ficar levantada a ponto do agente de trânsito não conseguir ler, torna-se ilegal e passível de apreensão da moto para regularização.


Olá. Queria parabenizar o otimo trabalho do site em relaçao ao mundo das duas rodas.Sou fã de motos desde os 10 anos, andei a primeira vez numa cg 125 aos 13 e desde entao nunca mais parei. Tive a oprtunidade qndo garoto de andar em moto de corrida em Itu de rd135 e tinha o sonho de ser piloto. Como tda criança sempre quis ter uma moto 1000cc qndo pegasse minha abilitação, mas c o passar dos anos, depois de aprender mtoo c amigos e lendo materias sobre 2 rodas, mudei mto minha forma de pensar. Ainda sonho em ter uma 1000cc mas como so tenho20 anos, apesar de andar desde os 13, sei q ainda n tenho experiencia suficiente para pilotar uma moto desse porte. Como ja foi discutido no site, no Brasil, falta mta coisa para diminuir os acidentes. Na minha opniao a solução seria uma reeducaçao dos motorista e uma reforma nas leis e
principalmente no processo de tirar CNH. Como no Brasil para tirar a CNH e um processo antigo que sofreu poucas mudanças em mtos anos, qndo
o motor ista sai da autoescoala, mtas vezes ele ainda n sabe e nem esta apto a trafegar no transito, principalmente nas grandes cidades.
Deveriamos ter um processo mais rigoroso, c mais aulas teoricas e principalmente as praticas. No caso das motos a cnh deveria ser igual a dos outros veiculos, que dependendo da potencia vc tem q ter uma certa idade e uma nova prova Renato Lima (20) São Paulo – SP

Foto: Ryo Harada

Foto: Ryo Harada

R: Renato a CNH são divididos em cinco categorias distintas (A, B, C, D, E) desde que obedeçam as gradações correspondentes.
Categoria A: condutor de veículo motorizado de duas ou três rodas, com ou sem carro lateral. Ex: motos, motonetas, ciclomotores e triciclos.
Categoria B: condutor de veículo motorizado, não abrangido pela categoria A, cujo peso bruto total não exceda a três mil e quinhentos quilogramas e cuja lotação não exceda a oito lugares, excluído o do motorista. Ex: veículos de passeio. Categoria C: condutor de veículo motorizado utilizado em transporte de carga, cujo peso bruto total exceda a três mil e quinhentos quilogramas. Ex: pick-up, caminhonetes e vans (até oito lugares). Categoria D: condutor de veículo motorizado utilizado no transporte de passageiros, cuja lotação exceda a oito lugares, excluído o do motorista. Ex: ônibus, micro-ônibus, tratores, caminhões e vans (acima de oito lugares). Categoria E: condutor de combinação de veículos em que a unidade tratora se enquadre nas categorias B, C ou D e cuja unidade acoplada, reboque, semi-reboque ou articulada, tenha seis mil quilogramas ou mais de peso bruto total, ou cuja lotação exceda a oito lugares, ou, ainda, que seja enquadrado na categoria trailer. Ex: trailers, carretas e qualquer tipo de veículo articulado.

Concordo com você que na categoria “A” para motocicleta, deveria haver uma subdivisão por cilindradas.


Olá pessoal do motonline. Tenho uma duvida: em minha cidade, o Detran, iá fazer um leilão de motos e estou pensando em ir dar uma olhada nas motos.
Na lista de itens, vi algumas motos boas. Porém não tenho muita segurança em relação a esse tipo de aquisição. Além da documentação, quais os itens que posso levar em consideração ao avaliar a moto? (já li a matéria sobre compra de motos usadas, existe mais cuidados alem desses? abraços a todos e parabens pelo otimo trabalho de vocês Cássio leitor assíduo do site) (23), Maringá – PR

R: Cássio na compra de leilão deve se verifica se possível tudo que você verificaria na aquisição de uma moto usada. Todavia, aqui você a comprará no estado que se encontra, não podendo reclamar posteriormente. Outro detalhe é você verificar se há IPVA, licenciamento em atraso, há leilões que isenta, especialmente, quando é realizado pelo próprio Estado e há leilões que tudo corre por conta do arrematante.


Olá mais uma vez! Gostaria de saber, finalmente, quais documentos necessários para fazer trilhas de moto. É o seguinte, vou comprar uma moto EXCLUSIVAMENTE para trilha. Para isso, ela vai rodar APENAS rebocada na cidade. Neste caso, preciso que ela tenha documentos em dia e placa? Ou esse papo de só NF é verdade? Obrigado Guilherme de Miranda (20) Brasília – DF

R: para essas motos basta a Nota Fiscal. Mas lembre-se jamais poderá andar na rua ou via públicas. Note que o modelo para trilha nem tem suporte para placa, não tem retrovisores, nem piscas!!

Grande abraço e não esqueça: pilote equipado e defensivamente, afinal, não há razão quando se ganha uma lesão.