Fundación MAPFRE comemora Dia Mundial do Idoso com campanha de trânsito focada na “melhor idade”

Ação, realizada em parceria com o Governo do Estado e a prefeitura de São Paulo, visa a redução no número de acidentes de trânsitos com pessoas acima de 60 anos, que representam 30% das mortes por atropelamentos no País.

Começa no próximo dia 1º de outubro, em São Paulo, no Dia Mundial do Idoso, uma nova campanha de segurança viária da Fundación MAPFRE. A ação tem como finalidade discutir a Segurança Viária entre os idosos, além de abrir um espaço para a reflexão e conscientização entre profissionais que lidam com pessoas acima de 60 anos, além de orientar os próprios idosos e seus familiares.

Denominada “3 e meia, quinze para as 4”, a campanha consiste na disseminação de um curta-metragem que recebe o nome da ação e conta a história de um senhor que, por não respeitar as normas de segurança viária, sofre um acidente de trânsito. Serão distribuídos 10 mil guias para idosos e 2 mil guias para profissionais do setor até o final do ano, com dicas de segurança e comportamento no trânsito. Além do lançamento, a Fundación MAPFRE realizará mais dois encontros até o final do ano.

Os eventos contarão com a presença de especialistas em Gerontologia e Segurança Viária. No lançamento, participarão o Instituto Paulista de Geriatria e Gerontologia e o setor de transportes (Companhia de Engenharia de Tráfego de São Paulo – CET e São Paulo Transportes – SPTrans) completarão o projeto.

No dia do lançamento da campanha haverá a presença internacional do diretor do Instituto de Segurança Viária da Fundación MAPFRE Espanha, Julio Laria del Vas e da 1ª Dama do Estado de São Paulo, senhora Delzeni Goldman. A meta de todas as atividades é conscientizar o maior número possível de pessoas em todo o Brasil.

A campanha vai ao encontro do cenário traçado por uma pesquisa realizada pela Fundación MAPFRE em parceria com o CESVI Brasil, com dados do Ministério da Saúde, CET e IBGE, que mostra um quadro preocupante: entre o total de vítimas por atropelamento, no Brasil, 30% são pessoas acima de 60 anos. E mais. Entre todas as vítimas fatais de ocupantes dos veículos, 11,73% são idosos. Como a população desta faixa etária vem aumentando nos últimos anos, a tendência é de alta no número de mortes.

De acordo com a diretora da Fundación MAPFRE no Brasil, Fátima Lima, a campanha é de extrema importância, já que grande parte das vítimas fatais em atropelamentos e outros tipos de acidentes são idosos. “De cada 10 pessoas mortas por atropelamentos praticamente três têm mais de 60 anos. Portanto, medidas preventivas e de conscientização como esta são de extrema importância para evitar ainda mais mortes e proporcionar melhor qualidade de vida às pessoas idosas”, comenta.

Ainda segundo a executiva, “como a população atual de idosos do Brasil é composta por mais de 20 milhões de habitantes e vem crescendo em ritmo acelerado ano após ano, a ação também coloca em pauta a necessidade de se adequar e planejar a sociedade para essa mudança no cenário demográfico do País”, conclui.

Além das instituições já mencionadas, a campanha conta também com o apoio da Coordenadoria do Idoso da Secretaria Municipal de Participação e Parceria, do Fundo de Solidariedade e Desenvolvimento Social e Cultural do Estado de São Paulo, da Secretaria Estadual de Assistência e Desenvolvimento Social, do Grande Conselho Municipal do Idoso, do Conselho Estadual do Idoso e da Secretaria Municipal de Assistência Social de São Paulo.

SERVIÇO:
Público: Profissionais, coordenadores e técnicos da área da gerontologia e trânsito.
Data: 1º de outubro
Horário: das 09h30 às 12 horas
Local: Espaço Cultural Tattersal – Parque da Água Branca.
Endereço: Rua Ministro Godói, 310 – Água Branca – São Paulo – SP