Lançada a Semana de Trânsito

A estimativa ‚ estarrecedora: cerca de 30 mil mortes registradas por ano no Brasil sÆo provocadas por acidentes de trƒnsito.

Para reduzir esse ¡ndice, come‡ou ontem em todo o Pa¡s a Semana Nacional de Trƒnsito, cujo lema este ano ‚ “Dˆ Preferˆncia … Vida”.

At‚ o dia 25, eventos e a‡äes educativas serÆo desenvolvidos em todo o Pa¡s.

Os projetos sÆo dirigidos para pessoas de v rios perfis. H  a‡äes para motoristas em geral, programas para motoristas jovens, al‚m de trabalhos voltados para crian‡as, pedestres e motoristas profissionais.

A id‚ia, por‚m, ‚ que campanhas de conscientiza‡Æo sejam realizadas de modo permanente. “A violˆncia no trƒnsito brasileiro reflete um problema cultural”, disse o ministro das Cidades, Ol¡vio Dutra. “Para combatˆ-lo, vamos adotar programas cont¡nuos de educa‡Æo no trƒnsito voltados para toda a sociedade.” Nas campanhas, deverÆo ser abordados os principais riscos:

excesso de velocidade, consumo de  lcool, falta de uso de cinto de seguran‡a, ultrapassagens perigosas e desaten‡Æo com pedestres.

“Colocar um ve¡culo na rua implica muitas responsabilidades que, se nÆo forem cumpridas, colocam vidas humanas em risco”, disse o presidente do Departamento Nacional de Trƒnsito, Ailton Brasiliense. Campanhas dirigidas para pedestres, ciclistas e passageiros tamb‚m deverÆo enfatizar a importƒncia do respeito …s regras de trƒnsito.

Al‚m das campanhas, Brasiliense defende um aumento nas medidas de controle e fiscaliza‡Æo no trƒnsito. Estima-se que hoje cerca de 10 milhäes de ve¡culos sem licenciamento circulem pelo Pa¡s. “A situa‡Æo fortalece o sentimento de impunidade”, avaliou. Em 2004, devem ser colocados em pr tica dois programas para refor‡ar a fiscaliza‡Æo: inspe‡Æo veicular e identifica‡Æo autom tica de ve¡culos, feita a partir da instala‡Æo de chips nos carros.

Em SÆo Paulo, a prefeita Marta Suplicy (PT) deu in¡cio ontem … campanha pelo uso de cinto de seguran‡a no banco traseiro. “Eu, como 95% da popula‡Æo, tamb‚m nÆo usava o cinto no banco traseiro, mas agora vou passar a usar.”

O goleiro Marcos, do Palmeiras e da Sele‡Æo Brasileira, ‚ o garoto-propaganda do filme que come‡ou a ser veiculado ontem na TV e nas salas de cinema da rede Cinemark. Marcos nÆo cobrou cachˆ para fazer o comercial.