venda producao de motos em queda

Números negativos: mercado de motos segue em queda

Seguindo seu balanço mensal, a ABRACICLO (Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares) divulgou os números do mercado, incluindo produção, vendas e exportação, de motos do mês passado, outubro de 2016. Estes números, assim como a grande maioria dos registrados este ano, não são bons. Se comparados com o acumulado do ano de 2015 as quedas chegam a 45,02%.

venda producao de motos em queda

venda producao de motos em queda

Em outubro, foram produzidas 71.221 motocicletas, volume 11,5% inferior ao apresentado no mês anterior, setembro, e 31,8% menor do que o mesmo período do ano passado. No acumulado do ano, de janeiro até aqui, a produção foi de 784.091 unidades, o que corresponde a 353.012 motocicletas a menos (ou 45,02%) que os primeiros dez meses do ano passado.

No atacado (que são as vendas da fábrica para as concessionárias) foram comercializadas 59.136 motocicletas, frente a 76.268 em setembro – apresentando recuo de 22,5%. Se compararmos com os números do mercado de outubro do ano passado, quando foram comercializadas 91.205 unidades, a retração foi de 35,2%. No acumulado dos dez primeiros meses de 2016, as vendas totalizaram 742.589 unidades, queda de 29,3% em relação ao registrado no mesmo período de 2015. É, como dito no início, os números não são bons.

Em outubro, as exportações somaram 4.911 motocicletas, com alta de 14,3% em relação a setembro, quando foram exportadas 4.298 motos. Em comparação com o mesmo período de 2015, quando foram 10.959 unidades, surge nova queda, desta vez de 55,2%. De janeiro a outubro, foram exportadas 48.663 motocicletas, volume 14,4% abaixo do registrado no mesmo período do ano passado, com 56.881 unidades.

Mercado em crise também na produção, atacado e varejo

No varejo, a fase final do ciclo, quando as concessionárias repassam seus produtos aos motociclistas, mais um reflexo de um mercado em crise. Com um dia útil a menos, devido aos feriados, a média diária de vendas em outubro ficou em 3.128 unidades, 1,7% abaixo de setembro (3.182). Ao longo do mês, foram emplacadas 62.554 motocicletas em outubro, representando queda de 6,4% ante o volume de setembro (66.822) e de 26,5% em relação a outubro de 2015 (85.055). No acumulado do varejo deste ano, foram comercializadas 749.834 motocicletas, ante 1.027.636 em igual período de 2015, o que corresponde a uma retração de 27% nos negócios.



Jornalista gaúcho convicto de que um passeio de moto em um dia de sol é a cura para praticamente todos os males da vida. Fã de motoaventurismo, competições de moto, café, praia e de rock n roll.