Vencida mais uma etapa do Rally Dakar

Nesta quarta-feira (13) foi realizada mais uma etapa do maior e mais difícil rali do mundo, o Dakar.

Num total de 220 quilômetros de trechos cronometrados, a competição voltou hoje para a Argentina, chegando à cidade de San Juan. A Equipe Petrobras Lubrax segue entre os “sobreviventes” do rali, nas categorias Moto (Rodolpho Mattheis) e carro (Jean Azevedo/Emerson Cavassin)

“Foi uma etapa dura, passamos por uma região de rio seco, ou seja, muitas pedras no meio do caminho. Felizmente, não tivemos nenhum problema no carro e conquistamos uma boa posição”, contou o piloto de carro Jean Azevedo. A dupla da Petrobras Lubrax fez o 17º melhor tempo do dia e está na 27ª colocação na classificação geral acumulada.

Estreia – Emerson Cavassin é o grande estreante da equipe brasileira. Conhecido também como Bina, ele explica como está sendo participar pela primeira vez do Dakar. “A experiência está sendo incrível e creio que o grande diferencial deste rali são as dunas, pois não temos esse tipo de terreno nas competições brasileiras. Aqui no Dakar a navegação é feita ‘fora de pista’, ou seja, temos as indicações do trajeto, mas escolher o caminho é algo que fazemos pelo feeling, no visual mesmo. Em uma duna, por exemplo, por mais que o GPS indique seguir aquela posição, você tem que saber se é uma boa passar por esse caminho. Afinal, as dunas são traiçoe iras e pode-se perder tudo em uma passagem errada”, explicou.

Dos 362 competidores que largaram no dia 1º de janeiro em Buenos Aires, apenas 198 largaram para a etapa de hoje, quase a metade. “Só na disputa do Dakar é que você aprende de verdade que a grande vitória é conseguir chegar até o final. E a bagagem que você ganha depois de tantos dias nesta prova é impressionante”, conclui Bina.

Carlos Sainz e Lucas Cruz continuam na liderança desta edição do Dakar, apenas dez minutos na frente da dupla Nasser Al-Attyah/Timo Gottschalk. Guerlain Chicherit e Tina Thorner foram os mais rápidos de hoje.

Melhor brasileiros nas Motos – Rodolpho Mattheis, piloto de moto da Equipe Petrobras Lubrax ficou com a 43ª posição desta 11ª etapa, mas continua na liderança de sua categoria, a Maratona até 450cc. No acumulado, Rodolpho está com a 27ª colocação e Cyril Despres continua em primeiro.

Confira abaixo como será a etapa de amanhã:
Etapa 12 – San Juan/San Rafael (14 de janeiro)
Deslocamento: 23 km
Especial: 476 km
Deslocamento: 297 km
Total : 796 km

Maior etapa do rali. Dia com muitas pistas que atravessam rios e saltos.