Low Rider S

Low Rider S, uma nova custom Harley-Davidson

Uma moto “cuja abordagem de customização coloca o desempenho em primeiro lugar”. Assim está escrito no comunicado que a Harley-Davidson distribuiu para falar do lançamento da Low Rider S. Tentando traduzir esta afirmação, isso significa que a Low Rider S é uma moto pronta para ser customizada, mas que a força do motor deve ser valorizada. Vale lembrar que já houve recentemente uma Low Rider dentro da extinta família Dyna, que chegou por aqui em 2015 e desapareceu junto com a família Dyna, que teve alguns modelos incorporados à nova família de motos Softail, em 2017.

A nova Low Rider S: novos elementos numa velha receita

A nova Low Rider S: novos elementos numa velha receita

No entanto, a Harley-Davidson a lança como uma nova moto (em novembro no mercado e ainda sem preço definido), apesar dela ser na verdade uma velha receita com elementos novos. Por isso o nome Low Rider “S”. Ela já chega desenvolvida em torno do novo chassi softail e reforçada por componentes de suspensão e freio de categoria premium e ajustados para proporcionar uma pilotagem agressiva, claro, alimentada pela força do motor Milwaukee-Eight 114 (1.868 cm³) que gera 16,4 kgf.m de torque, bem de acordo com o cenário das motos customizadas, uma longa tradição da Harley-Davidson.

A Harley-Davidson Low Rider S chega ao mercado em novembro; preço ainda não foi divulgado

A Harley-Davidson Low Rider S chega ao mercado em novembro; preço ainda não foi divulgado

Essa nova Low Rider S vem com um guidão fat bar com 1 polegada de diâmetro, uma minicarenagem que emoldura o farol dianteiro e assento individual bem recuado, o que coloca o piloto em posição “de ataque”. Todos os acabamentos brilhantes foram substituídos por opções em preto para reforçar o visual agressivo, inclusive partes do motor em diferentes tons de preto: tampa da transmissão primária, console do tanque, tampas da inspeção da embreagem, da admissão e do balancim inferior. Esse jogo de pintura escura segue nos escapamentos e seus protetores, nos garfos, na mesa da suspensão, no guidão e nos suportes do para-lama traseiro.

Como nem tudo pode ser “apagado”, a lâmpada traseira de LED tem lente fumê e o tanque de combustível segue o estilo da família Softail com capacidade para 19 litros e apresenta um grafismo Harley-Davidson bem típico e que se destaca. Para concuir o design da moto, as rodas de alumínio fundido (19″ na dianteira e 16″ na traseira vêm com acabamento em bronze bem escuro para fazer um interessante contraste com os outros componentes da motocicleta. Ah, nem tudo é escuto: há uma opção de prata para a Low Ride S.

O chassi é o mesmo das outras softail, mas ele sofreu alguns pequenos ajustes para reduzir o peso sem sacrificar a rigidez nem o visual clássico da traseira “rabo-duro” fake, evidentemente, com o amortecedor escondido sob o banco e com ajuste na pré-carga da mola, como todas as outras softail. Na frente a suspensão traz garfo telescópico invertido com tubos de 43 mm e com o ângulo de inclinação de 28 graus para melhorar a dirigibilidade em curvas e nos caminhos urbanos. Os freios são com duplo disco na dianteira e disco simples na traseira, ambos com ABS.

Ficha Técnica – Harley Davidson Low Rider S (FXLRS)

Motor Milwaukee-Eight 114, 4 tempos, dois cilindros em “V”, 8 válvulas, arrefecimento a ar e óleo
Capacidade 1868 cm³
Diâmetro e curso 102 mm x 114,3 mm
Taxa de compressão 10,5:1
Torque máximo 16,4 kgf.m a 3000 rpm
Combustível Gasolina
Alimentação Injeção Eletrônica Multiponto Sequencial
Embreagem Multidisco em banho de óleo
Câmbio 6 velocidades
Transmissão Por correia
Chassi Tubular tipo berço duplo
Rake 28º
Trail 145 mm
Inclinação (D/E) 30,1º / 30,1º
Suspensão dianteira Garfo telescópico invertido, sem ajuste – curso de 130 mm
Suspensão traseira Amortecedor com ajuste na pré-carga da mola, curso de 112 mm
Freio dianteiro Duplo disco de 300 mm com ABS
Freio traseiro Disco simples de 292 mm com ABS
Pneu e roda dianteira Michelin Scorcher “31” – 110/90B19 M/C 62H
Pneu e roda traseira Michelin Scorcher “31” -180/70B16 M/C 77H
Comprimento 2355 mm
Largura 850 mm
Distância entre eixos 1615 mm
Altura livre do solo 120 mm
Altura do assento 690 mm
Tanque de combustível 19 litros
Peso em ordem de marcha 308 kg
Capacidade de carga 218 kg

instagram-motonline-vinheta-1

 



Sidney Levy

Motociclista e jornalista paulistano, une na atividade profissional a paixão pelo mundo das motos e a larga experiência na indústria e na imprensa. Acredita que a moto é a cura para muitos males da sociedade moderna.