Concurso Cultural da Kawasaki premia vencedor com um Ninja

A Kawasaki Motores do Brasil promoveu o encerramento oficial do Concurso Cultural Ninja 250R em uma cerimônia especial em São Paulo (SP). Durante o evento, a companhia entregou pessoalmente as chaves da Ninja 250R ao grande vencedor do concurso, o analista de sistemas Armando Marcello Colacioppo.

Emocionado, Colacioppo, que é motociclista há 30 anos, afirma que ficou sem reação quando recebeu a notícia sobre a conquista do primeiro lugar no Concurso. “Estava trabalhando quando soube do resultado. Foi uma explosão de adrenalina e quando cheguei em casa, comemorei junto à minha esposa e filha”, disse Armando. A resposta à pergunta “O que Você Faria Com Uma Ninja 250R Se Você Tivesse o Poder de Controlar o Tempo”, que lhe faz ser mais um piloto da famosa Ninja 250R, foi a seguinte: “Eu trocaria os ponteiros: horas seriam minutos até chegar na Ninja e aí os minutos virariam horas em cima dela”.

A ação fez parte de uma campanha publicitária da montadora, que comemora seus dois anos de atuação no país como subsidiária integral da Kawasaki Heavy Industries (KHI). Ele e outros 300 fãs da Kawasaki também puderam participar do Test Ride Day, onde testaram o modelo na pista do kartódromo de Aldeia da Serra, em Barueri (SP).

“Fiquei muito feliz em saber que o concurso era sério e totalmente imparcial. Senti mais confiança ao conhecer parte da equipe da Kawasaki no Brasil e saber que o grande objetivo da marca é ser uma referência de qualidade para a matriz do Japão”, afirmou o premiado.

Segundo o gerente comercial da Kawasaki Motores do Brasil, Affonso de Martino a ação teve como meta principal atrair cada vez mais fãs para a marca. “Para 2011, temos grandes perspectivas de crescimento. No próximo ano aumentaremos cerca de 25% das nossas vendas e ultrapassaremos a marca de 60 concessionárias autorizadas instaladas em todo o território brasileiro”.