Honda corre por bons resultados na Superbike na França

Equipe também terá destaques na disputa da liderança do Mundial de Supersport

Jonathan Rea (Hannspree Ten Kate Honda CBR1000RR) vai à França neste final de semana para tentar uma etapa menos turbulenta em Magny-Cours. Com duas vitórias em seu ano de estreia no Mundial de Superbike, Rea é quarto no campeonato.

“Estou me sentindo bastante confiante em ir para lá com a CBR1000RR. Há uma boa relação de trabalho em curso com a equipe agora. Fiquei bastante decepcionado com os resultados do fim de semana passado, em Ímola, que não refletem todo o trabalho duro que a equipe tem feito. Vou à procura de algo melhor neste fim de semana, com certeza”, disse Rea.

No Campeonato do Mundo de Supersport, Eugene Laverty (Parkalgar Honda CBR600RR), que superou problemas físicos em Imola para chegar a dois pontos da liderança, ago ra está preparado para garantir sua primeira vitória.

“Tive alguns problemas com antigos ferimentos em Imola, mas vou ficar bem na França, porque vou ter a chance de fazer o meu habitual warm-up de rotina. Espero que eu possa lutar pelo campeonato agora.”

Leon Haslam (Stiggy Racing Honda CBR1000RR) recuperou seu ritmo nas últimas etapas, mas precisa de pódio na França para melhorar sua posição no ranking. Haslam é atualmente o sexto colocado. “Estou bastante confiante de que podemos encontrar uma configuração boa na corrida e estar perto da frente.”

Kenan Sofuoglu (Hannspree Ten Kate Honda CBR600RR), vencedor da corrida de Imola e o piloto com mais vitórias na Supersport, está confiante para o desafio das duas últimas corridas do ano, em Magny – e Portimão. ont>

Agora, com três vitórias no campeonato deste ano eu posso forçar muito para segurar o terceiro lugar e fazer o meu melhor para ajudar a Honda a ganhar outro título.”

Anthony West (Stiggy Racing Honda CBR600RR), sexto lugar no Campeonato do Mundo de Supersport, ainda não atingiu resultado á altura de seu talento, mas chega confiante à França.

Ryuichi Kiyonari (Ten Kate Honda CBR1000RR) tem projetos para fechar o campeonato na lista do Top Ten. Ele é agora 11º, a oito pontos de Shane Byrne. “Estou ansioso por este fim de semana. Encontramos uma boa configuração para as corridas que me permitiu montar a moto do jeito que eu gosto.”