ceth_destaque

CETH: 20 anos de ação por um trânsito seguro

O que era apenas uma pista de Motocross em Indaiatuba (SP), acabou se transformando no CETH – Centro Educacional de Trânsito Honda -, um centro de referência para formar e reciclar motociclistas de forma adequada para um trânsito mais seguro no Brasil. A unidade pioneira do CETH celebra seus 20 anos de existência e para comemorar a data, no mesmo local abre suas portas ao público o Museu Honda Fan Club, uma mostra com a maioria dos modelos fabricados pela marca no Brasil deste 1976.

A Honda já desenvolvia uma série de atividades de segurança no trânsito desde a década de 1970, mas carecia de uma estrutura melhor e mais completa para espalhar o conhecimento da empresa sobre pilotagem com segurança no trânsito. Assim, surgiu o primeiro CETH, contruído a lado da pista de motocross, que ainda está lá e também é usada para treinamento de motociclistas. Somente nesta unidade pioneira, mais de 130 mil pessoas já participaram dos cursos teóricos e práticos, palestras e eventos.

Um brinde aos próximos 20 anos de ações do CETH

Um brinde aos próximos 20 anos de ações do CETH

Mas as outras duas unidades que vieram depois – em Recife (PE) e Manaus (AM) – já treinaram outras 130 mil pessoas. “Este contingente de pessoas são propagadoras dos conhecimentos adquiridos aqui”, fala Leonardo Almeida, Gerente dos Centros Educacionais de Trânsito Honda. “Inauguramos o CETH em 1998, mas já fazíamos atividades com cursos volantes nas principais cidades do Brasil e depois nos voltamos para a formação de instrutores nas concessionárias da marca”, complementa Leonardo.

O presidente da Honda, Issao Mizoguchi, comenta que esta é uma atividade vital para a marca. “A Honda sempre enxergou a educação como peça fundamental na construção de um ambiente mais seguro para motoristas, motociclistas, pedestres e ciclistas e por isso investimos continuamente em nossas atividades de treinamento e conscientização”, explica Mizoguchi.

Mizoguchi: papel vital do CETH para a Hond

Mizoguchi: papel vital do CETH para a Honda

Entre o público atendido pelos Centros Educacionais de Trânsito Honda estão profissionais que atuam diretamente na formação de novos motociclistas, como os instrutores de moto escolas e CFCs – Curso de Formação de Condutores, a partir de parcerias com os Detrans e Cetrans de diversos Estados do Brasil. Também são alunos constantes dos CETHs motofretistas de empresas privadas e aqueles profissionais de órgãos públicos, como o Exército, o Corpo de Bombeiros, a Polícia Militar, o SAMU, entre outros, que necessitam de habilidade e técnica para o atendimento rápido à população.

Museu Honda Fan Club no CETH

A partir de 5 de janeiro de 2019 abrirá suas portas para o público o Museu Honda Fan Club, um espaço especial voltado aos amantes das duas rodas. O museu está localizado nas dependências do CETH Indaiatuba (SP) e conta com um acervo de 58 motocicletas Honda. Estão expostas desde as clássicas CG 125 1976 e CBX 750F 1986, até modelos mais recentes, como GL 1800 Goldwing Edição 40 anos e CBR 1000RR Fireblade Edição Comemorativa Marc Marquez.

Museu Honda Fan Club

Museu Honda Fan Club

As CGs estão todas lá

Museu Honda Fan Club

Museu Honda Fan Club

As motos mais recentes

Museu Honda Fan Club

Museu Honda Fan Club

CGs comemorativas

Museu Honda Fan Club

Museu Honda Fan Club

A "Xiselona" de 1982

Museu Honda Fan Club

Museu Honda Fan Club

As "xiselinhas" de 125 cc

Museu Honda Fan Club

Museu Honda Fan Club

As trail maiores, com a Sahara

Museu Honda Fan Club

Museu Honda Fan Club

AS CGs são destaque no museu

Museu Honda Fan Club

Museu Honda Fan Club

Shadow e a Goldwing 40 anos

Museu Honda Fan Club

Museu Honda Fan Club

Um canto para competiçoes

Museu Honda Fan Club

Museu Honda Fan Club

E a CG bolinha de 1976

Os visitantes mais “puristas” vão notar a falta de alguns modelos da marca, principalmente os mais antigos, como a versão esportiva de 125 cc, a Honda Turuna de 1981, mas os responsáveis pelo local prometem se empenhar para conseguir resgatar os modelos que faltam para completar o acervo do museu. As visitas serão gratuitas e acontecerão aos sábados, das 9:00 às 17:00, sem necessidade de agendamento prévio. Portanto, pode reservar aí na sua agenda um sábado a partir de janeiro de 2019 para visitar Indaiatuba e passar algumas horas no Museu Honda Fan Club porque vale a pena. Anote aí:

Museu Honda Fan Club

  • Data: todos os sábados
  • Horário: das 9:00 às 17:00
  • Local: Alameda Comendador Dr. Santoro Mirone, 1460 – Distrito Industrial João Narezzi, Indaiatuba – SP, 13347-300
  • Informações: (19) 3198-2615
  • www.honda.com.br/harmonianotransito
  • Observações: Os visitantes serão atendidos por ordem de chegada. Local com acessibilidade

separador_honda



Sidney Levy

Motociclista e jornalista paulistano, une na atividade profissional a paixão pelo mundo das motos e a larga experiência na indústria e na imprensa. Acredita que a moto é a cura para muitos males da sociedade moderna.