BMW não vai participar do Salão Duas Rodas

Em um comunicado simples com apenas 6 linhas curtas de texto, a BMW Motorrad informou hoje (4/2) oficialmente que não participará do Salão Duas Rodas 2019, maior evento do setor de motocicletas da América do Sul, que acontecerá este ano entre os dias 19 e 24 de novembro. O surpreendente e curto comunicado não explica muita coisa e limita-se a informar que a empresa “(…) está explorando novas plataformas e formatos alternativos (…)”.

BMW Rider Experience, uma das atividades alternativas que a BMW realiza para clientes

BMW Rider Experience, uma das atividades alternativas que a BMW realiza para clientes

A BMW segue o exemplo de várias outras empresas do setor de automóveis – Volvo, Peugeot, Citroen, entre outras – que já não participam do Salão do Automóvel de São Paulo e preferem investir em outros formatos para suas ações promocionais e de reforço de imagem. O comunicado da BMW informa também que a marca vai se dedicar em 2019 a atividades diretas com clientes e potenciais compradores para a sua linha de motocicletas. Leia a íntegra do comunicado da BMW:

A BMW Motorrad Brasil decidiu se retirar do Salão Duas Rodas 2019, em São Paulo. Essa decisão foi tomada uma vez que o BMW Group está constantemente examinando a sua presença em feiras e outros compromissos, ao mesmo tempo em que está explorando novas plataformas e formatos alternativos. Em 2019, iremos focar e fortalecer o nosso engajamento em atividades específicas de experiência da marca, incluindo o formato test-rides para clientes e entusiastas de motocicletas.”

No final de janeiro a Reed Exhibitions Alcantara Machado anunciou a renovação do acordo com a Abraciclo (Associação que reúne os fabricantes de motos e bicicletas no Brasil) para realização do Salão Duas Rodas até 2025, ou seja, mais quatro edições (2019, 2021, 2023 e 2025), com a data do evento deste ano já estabelecida: de 19 a 25 de novembro.

separador_bmw

 



Sidney Levy

Motociclista e jornalista paulistano, une na atividade profissional a paixão pelo mundo das motos e a larga experiência na indústria e na imprensa. Acredita que a moto é a cura para muitos males da sociedade moderna.