img_3054

Honda forma 12ª turma de estudantes no CETH de Recife

“Eu podia estar roubando, eu podia estar matando e fazendo outras coisas erradas por aí, mas estou aqui vendendo estas balas para ajudar a sustentar minha família.” Este discurso soa comum a muitos de nós que vivemos nas grandes cidades brasileiras e utilizamos algum tipo de transporte público. Geralmente proferido por um jovem carente, a cena expressa um lado triste da nossa realidade.

De difícil solução, esse é um problema que exige muita ação da parte de todos, poder público, cidadãos e também das empresas. E a Honda é uma dessas empresas que utiliza suas estrutura e colabora decisivamente para diminuir este problema através da educação a jovens carentes, preparando-os melhor para o mercado de trabalho.

A 12ª turma formada pela Honda: portas abertas para o mercado de trabalho

A 12ª turma formada pela Honda: portas abertas para o mercado de trabalho

Desde 2007 a empresa disponibiliza anualmente o Curso de Formação Profissional dentro do seu Centro de Treinamento (CETH) no Recife (PE) para que jovens entre 18 e 20 anos que vivem no bairro de Areias, no Recife (PE) tenham a chance de se prepararem para o mercado de trabalho e exercerem plenamente sua cidadania.

E o último sábado, 24 de novembro, foi especial na vida de mais 26 jovens – 12ª turma – que receberam o diploma desse Curso de Formação Profissional que oferece capacitação profissional e comportamental, preparando-os para ingressar em ótimas condições no mercado de trabalho. São 870 horas de treinamento nas quais os alunos recebem aulas teóricas e técnicas de mecânica de automóveis e motocicletas, com temas que envolvem metrologia, elétrica, revisões, inspeção periódica e outros.

Ainda na carga horária, estão contemplados módulos orientativos sobre saúde, relações familiares, informática, trabalho, meio ambiente, segurança no trânsito e a importância do trabalho voluntário. Desde a primeira edição, 246 jovens já foram beneficiados com o projeto. Desses, 70% estão empregados e atuam em diferentes funções. Além disso, boa parte inicia a carreira profissional na própria rede de concessionárias Honda.

Como parte do processo de formação da turma de 2018, os alunos participaram do Programa Best Quality, uma iniciativa da marca voltada à capacitação dos profissionais de pós-venda de sua rede de concessionárias em toda a América do Sul. Com isso, tiveram acesso ao mesmo conteúdo de treinamento que experientes profissionais de pós-venda recebem.

Após um processo de sete meses de avaliação, quatro alunos destaques foram selecionados e irão participar, junto à organização do Programa Best Quality, de um evento presencial na fábrica da Honda Automóveis, localizada em Sumaré, interior de São Paulo. De 4 a 7 de dezembro, a empresa irá reconhecer seus melhores profissionais de pós-venda da América do Sul.

Os jovens que participam do curso anual são selecionados pela adequação aos critérios básicos, como idade, escolaridade e vulnerabilidade social – candidatos entre 18 e 20 anos e que estejam cursando ou tenham concluído o ensino médio – e por meio de prova escrita. Parabéns aos formandos e à Honda pela ótima iniciativa!



Sidney Levy

Motociclista e jornalista paulistano, une na atividade profissional a paixão pelo mundo das motos e a larga experiência na indústria e na imprensa. Acredita que a moto é a cura para muitos males da sociedade moderna.