honda-gold-wing-2019-10

Nova Honda Gold Wing chega às lojas a partir de R$ 136 mil

Mais leve, potente e – ainda – mais tecnológica. Assim é a nova geração da touring Honda GL 1800 Gold Wing. O modelo 2019 chegou às lojas Honda Dream de todo o Brasil, onde está disponível em duas versões com pacotes de itens de série e preços distintos. O preço sugerido é de R$ 136.550,00 na Gold Wing e R$ 156.550,00 na Tour. Pode parecer muito, mas o vasto aparato tecnológico explica os dígitos da etiqueta.

* Veja, também *
Tem uma Gold Wing? Opine sobre ela no Guia de motos!
Relembre o primeiro teste da Gold Wing no Brasil! (2006)
Teste Honda CB 1000R Neo Sports Café (2019)

Antes da lista de equipamentos, as novidades. A lista de mudanças começa pela balança, afinal o modelo está 39 kg mais leve que a geração anterior. Além disso, o motor boxer de 6 cilindros e cabeçotes Unicam de quatro válvulas por cilindro produz agora 126 cavalos, ante 118 da antecessora. Para gerenciar o sistema há quatro modos de pilotagem: tour, sport, econ e rain.

honda-gold-wing-2019-13

A nova geração da Honda Gold Wing chegou às lojas. Modelo 2019 tem novos equipamentos, está mais leve e potente. Preço parte de R$ 136,5 mil

O propulsor atua em conjunto com o câmbio de dupla embreagem DCT (Dual Clutch Transmission) com sete marchas (na versão Tour – que, aliás, oferece a inédita modalidade ‘Walking Mode’, que movimenta a moto em velocidade limitada para auxiliar o piloto nas manobras de estacionamento).

Chassi e suspensões também são novos. Duplo trave em alumínio fundido sob pressão, o chassi está 2 kg mais leve e proporciona uma posição de pilotagem mais avançada. A suspensão dianteira ganhou duplo braço oscilante – garantindo estabilidade mesmo em manobras em baixa velocidade – e a traseira se vale de uma balança de suspensão do tipo monobraçoPro-Arm conectada ao sistema Pro-Link, solução inédita no modelo.

Design

Segundo a Honda, a concepção visual do modelo foi baseada na frase ‘formas sofisticadas, linhas tensas’, o que guiou a equipe de criação em torno que algo que remetesse ao luxo e modernidade – e até certa esportividade, mas sem se distanciar das linhas já conhecidas do modelo. O resultado está nas imagens abaixo.

Goldwing

Goldwing

Goldwing

Goldwing

Goldwing

Goldwing

Goldwing

Goldwing

Goldwing

Goldwing

Goldwing

Goldwing

“Dona de um estilo inconfundível onde se destacam a projeção da parte frontal, a harmoniosa linha de cintura e o elegante e acolhedor posto do piloto e acompanhante, o conceito aerodinâmico do novo modelo difere do anterior. Agora o piloto fica mais próximo do para-brisa, regulável tanto em altura como em inclinação, e um apurado estudo aerodinâmico permitiu melhorar não só o coeficiente aerodinâmico como dar a piloto e passageiro o conforto dinâmico digno de uma Gold Wing”, destacou a Honda.

Versão Tour

Versão Tour

Versão Tour

Versão Tour

Versão Tour

Versão Tour

Versão Tour

Versão Tour

Versão Tour

Versão Tour

Versão Tour

Versão Tour

Versão Tour

Versão Tour

Honda Gold Wing 2019 e tecnologia

A lista é longa, por isso gostaria de começar destacando o novo painel TFT de 7 polegadas, com denso nível de informações acerca da motocicleta. Através dele também é possível gerenciar o sistema de áudio, navegação e do controle de tração HSTC (Honda Selectable Torque Control), regulagem de suspensão e Cruise Control. O modelo também é compatível com o Apple CarPlay.

Suspensão dianteira com duplo braço oscilante é novidade

Suspensão dianteira com duplo braço oscilante é novidade

Novidades Gold Wing 2019

  • Sistema de gestão e controle do aquecimento e dos fluxos de ar
  • Para-brisa regulável eletricamente variando inclinação e altura
  • Cruise Control de ação gradativa com sistema TBW (Throttle By Wire)
  • Ampla capacidade de carga e top box para dois capacetes integrais
  • Display TFT de 7″ com informações completas de áudio e navegação
  • Conectividade Apple CarPlay, Bluetooth e USB
  • Full-LED e indicadores de direção com desarme automático
  • Smart Key com comando para abertura de malas laterais e top box
  • Novo chassi dupla trave de alumínio
  • Suspensão dianteira por duplo braço oscilante
  • Suspensão traseira com nova balança monobraço Pro-Arm
  • Regulagem eletrônica das suspensões com base no Riding Mode
  • Pré-carga da mola/amortecedor traseiro regulável eletricamente (versão Tour)
  • Freios combinados D-CBS (Dual Combined Braking System) com ABS
  • Novo motor boxer 6 cilindros de 1.833 cc, cabeçotes de 4 válvulas
  • Acelerador eletrônico TBW (Throttle By Wire) e 4 Riding Modes
  • Controle de tração HSTC (Tour)
  • Start&Stop com sistema ISG (Integrated Starter Generator)
  • Sistema HSA (Hill Start Assist) para saídas em subida
  • Novo câmbio DCT (Dual Clutch Transmission) com 7 marchas (versão Tour)
  • Função ‘Walking Mode’ para manobras de estacionamento
  • Integração total entre os 4 Riding Mode e o câmbio DCT (versão Tour)

separador_honda



Guilherme Augusto

@obomguiaugusto >> Amante de motos em todas suas formas e sons (se for de 2T, melhor). Fã de viagens, competições, do Hugh Jackman e de praias. Viciado em café desde quando comecei a escrever