Himalayan é o carro-chefe da marca no Brasil

Royal Enfield anuncia investimento e novo CEO

Em uma semana a Royal Enfield fez três anúncios importantes. O que está mais diretamente relacionado ao nosso mercado é o fato de que a trail Himalayan realmente vem para aumentar as vendas da marca no Brasil. O anúncio da empresa fala de “(…) 100 unidades de Himalayans comercializadas no Brasil em menos de 60 dias após o lançamento oficial no País(…)“, mas os números de emplacamentos registrados pela Fenabrave (Federação Nacional dos Distribuidores de Veículos Automotores) mostram que a Royal Enfield Hymalaian emplacou 121 unidades (até março/2019) desde seu lançamento no final de janeiro deste ano. Se considerarmos que a marca possui apenas duas lojas em todo o Brasil – São Paulo e Brasília – realmente é um volume interessante. A empresa promete mais 8 lojas no Brasil até o final de 2019.himalayan-royal-enfield-4

A segunda informação vem da matriz da empresa, na Índia e dá conta de que a Royal Enfield realizará investimentos de US$100 milhões durante o ano fiscal de 2019-20 – que se iniciou em 1º de abril de 2019 e termina em março de 2020. Esse novos investimentos se destinam a segunda fase de construção da fábrica de Vallam Vadagal, na Índia, e a finalização da construção do Centro Tecnológico de Chennai, que irá trabalhar em conjunto com o Centro Tecnológico do Reino Unido (UKTC). O objetivo destas duas obras é o desenvolvimento de novos produtos para expansão do portfólio destinado a mercados globais e aumentar a capacidade de produção anual para 950.000 unidades, já que 95% da produção hoje é absorvida pelo próprio mercado indiano.

Royal Enfield Siddhartha Lal

Siddhartha Lal: Royal Enfield quer maior presença nos mercados globais

Saiba mais sobre a Royal Enfield

Royal Enfield: mais produtos globais

Vinod Dasari é o novo CEO da Royal Enfield

Vinod Dasari é o novo CEO da Royal Enfield

Essa expansão global inclui duas subsidiárias na Indonésia e na Tailândia este ano, onde, a exemplo do que fez no Brasil, a Royal Enfield já está presente com representação comercial e uma venda bem tímida. A boa aceitação de seus produtos clássicos estimulou a direção da empresa a fortalecer sua presença nestes tradicionais mercado para motocicletas do mundo. “Vamos nos concentrar no atendimento às normas de emissões e fortalecer nossa capacidade de desenvolvimento de novos produtos”, observa Siddhartha Lal, diretor geral e CEO da Eicher Motors Ltd, conglomerado automotivo que controla a Royal Enfield.

Por fim, a Eicher Motors anunciou a chegada de Vinod K. Dasari como novo CEO da Royal Enfield, posição que era acumulada por Siddhartha Lal, que continuará como diretor Geral e CEO da Eicher Motors e dará suporte tanto para Dasari quanto para as equipes de produto e desenvolvimento da marca. “A Royal Enfield está construindo os pilares para atingir uma nova fase, focada em crescimento”, falou Siddhartha. O novo executivo da Royal Enfield vem da Ashok Leyland, fabricante de caminhões e utilitários. Também atuou na Cummins India Limited e Timken Company. Foi presidente da Associação de Pesquisa Automotiva da Índia e da Sociedade Indiana de Fabricantes Automotivos.

separador_re



Sidney Levy

Motociclista e jornalista paulistano, une na atividade profissional a paixão pelo mundo das motos e a larga experiência na indústria e na imprensa. Acredita que a moto é a cura para muitos males da sociedade moderna.