nova-mt-03-brasil-motonline-1

Visual agressivo marca nova geração da MT 03

Sucesso de vendas na linha naked no Brasil, a Yamaha MT 03 surge totalmente de cara nova lá fora, sendo apresentado pela montadora nesta semana. Destaque ao novo visual adotado pela segunda geração do modelo, visivelmente baseado nas irmãs maiores MT 07 e MT 09 (que em breve chegará aqui).

A nova Yamaha MT 03 está chegando. Modelo apresentado nesta semana será lançado na Itália, no EICMA

A nova Yamaha MT 03 está chegando. Modelo apresentado nesta semana será lançado na Itália, no EICMA

Totalmente repaginada, a MT 03 será lançada durante o Salão de Milão (EICMA), em novembro. Na Europa e nos EUA estará disponível nas cores Ice Fluo (cinza fosco), Icon Blue (azul metálico) e Midnight Black (preto metálico). Por enquanto, ainda não há previsões de quando as atualizações chegarão ao Brasil.

MT 03 se inspira visual da MT 09

A MT-03 recebeu farol LED (que está dividindo opiniões) em visual agressivo. O conjunto conta com um pequeno facho central de luz alta e com duas luzes de posição inclinadas. As setas passam a ser em LED, complementam a o sistema de iluminação.

Mudanças no visual, suspensões e no painel, agora totalmente digital. Motor é o mesmo de 42 cv

Mudanças no visual, suspensões e no painel, agora totalmente digital. Motor é o mesmo de 42 cv

A Yamaha também atualizou as carenagens. A naked apresenta uma aparência mais “compacta” em torno da área do motor. O tanque de combustível permanece com capacidade para 14 litros, mas mudou e tem nova tampa, além de tomadas de ar diferentes. O painel de instrumentos aposentou o grande conta-giros analógico e passa a ser totalmente digital com visor LCD.

Conjunto de suspensão e motor

Aqui muito pouco mudou. Segue o motor de dois cilindros, com os 321 cm³ e arrefecimento a líquido. Com a transmissão de seis velocidades, ele produz 42cv de potência máxima a 10.750 rpm e 3 mkg.f de torque, a 9.000 rpm. O propulsor, compartilhado com a esportiva R3 (também renovada), aposta na redução de peso de componentes para minimizar vibrações.

Mas há novidades. O modelo ganhou suspensão dianteira invertida, com 37 mm de diâmetro. Na traseira a Yamaha introduziu o conceito de braço oscilante estendido na MT 03 – proposta semelhante à da YZF-R1, salvas as devidas proporções, e busca estabilidade durante a frenagem, curvas e aceleração. O sistema de freio ABS conta com disco de 298 mm de diâmetro na dianteira e 220 mm na traseira.

Yamaha ainda não confirmou quando apresentará o modelo aqui. Será que a veremos no Salão Duas Rodas?

Yamaha ainda não confirmou quando apresentará o modelo aqui. Será que a veremos no Salão Duas Rodas?

Nova Yamaha MT 03 no Brasil

Até então, a MT 03 reina absoluta no segmento de nakeds médias por aqui. De 2016 a junho de 2019 emplacou 21.632 unidades, número maior que o das três principais concorrentes (Honda CB 500F, Kawasaki Z300 e KTM 390 Duke) somadas – veja o comparativo.

Entretanto, o mercado segue mudando. A nova geração da 390 DUKE e a Z 400 são produtos recentes, com qualidade suficiente para ameaçar a MT 03. Se a Yamaha adotar um posicionamento agressivo no mercado nacional, defendendo sua liderança na categoria, deve mostrar a nova MT ainda no Salão Duas Rodas – mês que vem, em São Paulo. Do contrário, poder perder um time valioso e dar a chance que seus admiradores ou até clientes provem o sabor das concorrentes. Vamos aguardar.

vinheta-instagram_9



Guilherme Augusto

@obomguiaugusto >> Amante de motos em todas suas formas e sons (se for de 2T, melhor). Fã de viagens, competições, do Hugh Jackman e de praias. Viciado em café desde quando comecei a escrever