Yamaha Lander 250 já nas lojas

Nova Lander 250 tem preço definido: R$ 16.990,00

Quando a Yamaha apresentou a nova geração da Lander 250 ela fez questão de enaltecer seus atributos, como conforto e economia, e de guardar segredo sobre seu preço – afirmando, apenas, que seria ‘muito competitivo’. Agora, mistério desfeito. A Yamaha Lander 250 ABS 2019 chega às lojas por R$ 16.990,00 (preço sugerido, que não considera despesas como o frete, por exemplo), na segunda quinzena de janeiro. A moto estará disponível nas cores azul, preto e Branco.

Nova geração da Lander tem preço sugerido definido: R$ 16.990,00. Modelo estará disponível ainda em janeiro nas cores Azul (Competition Blue), Branco (Sports White) e Preto (Black Eclipse)

Nova geração da Lander tem preço sugerido definido: R$ 16.990,00. Modelo estará disponível ainda em janeiro nas cores Azul (Competition Blue), Branco (Sports White) e Preto (Black Eclipse)

O preço é bem próximo aos praticados até o fim do ano passado na antiga geração da Lander (R$ 15.690,00) e Ténéré 250 (R$16.190,00), agora extintas. Além disso, está logo abaixo do valor cobrado pela principal concorrente, a XRE 300. Para lembrar, a trail da Honda tem preço de (em valores sugeridos, claro) R$ 18.620 nas cores sólidas e R$ 18.690,00 no modelos especiais, Rally e Adventure. Ou seja, a Lander custa cerca de R$ 1.600 a menos que a rival.

* Releia, também *

Nova Lander 250: a moto 3 em 1
XRE 300 2019: Legítima herdeira
Falta de ABS aposenta Yamaha XT 660R (2018)
Moto teste: Yamaha XTZ 250 Ténéré (2016)

Nova Lander 250 – preço e mais

A nova geração da Lander 250 é fruto de uma estratégia da Yamaha de unificar três modelos de sucesso de sua gama em um único modelo – atendendo, assim, segundo a própria marca, os anseios de potenciais clientes. Desta forma, ela une a robustez da XT 660R, o conforto da Ténéré 250 e a agilidade que já era característica da Lander numa só moto. Por isso, a chamamos de ‘moto 3 em 1′ no primeiro encontro com o modelo – releia a matéria aqui.

Modelo une características da Tenere 250, XT 660R e, claro, Lander 250. A ciclística privilegia o conforto - e o motor é o mesmo da geração anterior

Modelo une características da Tenere 250, XT 660R e, claro, Lander 250. A ciclística privilegia o conforto – e o motor é o mesmo da geração anterior

O modelo herdou alguns elementos da geração anterior, incluindo o motor e câmbio – de cinco marchas, que administra os mesmos 20,7 cv (a gasolina), e rodas (de 21 polegadas na dianteira e 18 na traseira). Já da Ténéré 250, recebeu as suspensões (com 220 mm de curso na frente e 204 mm atrás), mas agora o amortecedor traseiro é a gás.

Novidades da Lander

Entre as novidades, além do visual que remete propositalmente à XT 660R, como com as grades carenagens no tanque, estão o novo farol (de LED), tanque maior (de 11 para 13,6 litros), painel digital exclusivo (com indicadores de consumo médio e consumo instantâneo) e freio ABS na roda dianteira.

ABS na roda dianteira, farol em LED, painel digital com indicadores de consumo e tanque maior estão entre as principais novidades do modelo

ABS na roda dianteira, farol em LED, painel digital com indicadores de consumo e tanque maior estão entre as principais novidades do modelo

Um dos pontos altos do modelo é a economia, sempre registrando médias de consumo acima dos 32 km/l. Já outro, que também é forte argumento de venda, é a garantia de quatro anos com o programa Revisão Preço Fixo (através do qual o cliente sabe quanto gastará com as revisões periódicas até antes de comprar a motocicleta).

separador_yamaha



Guilherme Augusto

@obomguiaugusto >> Amante de motos em todas suas formas e sons (se for de 2T, melhor). Fã de viagens, competições, do Hugh Jackman e de praias. Viciado em café desde quando comecei a escrever