GUIA DE MOTOS

Triumph Bonneville

Da nova série das clássicas, a Triumph Bonneville Street Twin é a menor e mais em conta. Mas não se iluda, ela agrega tanta engenharia quanto as suas irmãs mais caras e sofisticadas (T120, T120 Black e as reeditdas Thruxton e Thruxton R). O motor é novo, o chassi e tudo que lhe agrega também, mas novo motor não significa mais potência. Ele segue a nova tendência onde se procura facilidade de condução e controle nas emissões. Apesar do aumento da cilindrada, de 865cc para 900cc, os 68 cv @ 7.500 rpm se transformaram em 54 cv @ 5.900 rpm e o torque de 6,96 kgf.m @ 5.800 aumentou para 8,15 kgf.m em apenas 3.230 rpm. Note que esses números mostram que não se busca pico de potência e sim a qualidade dela: a rotação mais baixa do pico, associado ao torque maior em rotação menor mostra a existência de uma curva plana, tanto de potência quanto de torque. Isso se verifica como característica importante para uso corriqueiro

5 4

Recomendação

satisfação geral
DIRIGIBILIDADE
VISUAL
CONSUMO
CONFORTO
CUSTO X BENEFÍCIO
PERFOMANCE
Leia as Avaliações

Ficha Técnica

  • Cilindrada: 900,00
  • Tipo de Motor: 4 tempos
  • Arrefecimento: Líquido
  • Combustível: Gasolina
  • Potência Máxima: 54.00 a 5900 rpm
  • Torque Máximo: 8.00 a 3260 rpm
  • Transmissão: 5 marchas
  • Injeção: Eletrônica
  • Suspensão dianteira: Convencional
  • Partida: Elétrica
  • Ajuste da suspensão dianteira: Sem ajuste
  • Chassi: Aço
  • Suspensão traseira: Bi-shock
  • Peso (seco): 198,00kg
  • Peso em movimento: 0,00kg (MVOM)
  • Comprimento:
  • Largura: 785mm
  • Altura: 1114mm
  • Altura do Banco: 750mm
  • Distância entre Eixos: 1415
  • Pneu Dianteiro: 100/90-18
  • Pneu Traseiro: 150/70 R17
  • Capacidade do tanque: 12 litros
  • Ajuste da suspensão traseira: Pré-carga
  • Balança: Convencional

Motos Deste Modelo à Venda

VER TODAS De R$ 0,00 a R$ 0,00 entre 0 ofertas

Outras Versões

  • Bonneville 790:   2007 / 2006 / 2005 / 2004 / 2003

  • Bonneville 865:   2019 / 2013 / 2010 / 2009

  • Bonneville T 100:   2015 / 2014 / 2013 / 2004 / 2003

  • Bonneville T 100 865 (50anos):   2010 / 2009

  • Street Twin:   2016

Todas as Avaliações Desta Moto

Recomendo

Prós: Lindo design retrô. Delicioso ronco do motor. Boa aceleração, alcança facilmente os 120km/h, podendo ir ainda mais além. Moto leve e facilmente manobrável, se sai muito bem na cidade.
Contras:A caixa da primária é alta, sobrepondo-se sobre o pedal, se você não prestar atenção e os devidos cuidados pode queimar a parte de dentro do seu pé constantemente. O desenho reto e liso do banco fazem com que andar com garupa não seja tão confortável quanto se espera. O painel com as velocidades em KM/H e MP/H é um pouco confuso. Falta um marcador de combustível.

Recomendo

Prós: A moto é sensacional, comprei para o uso diário em Sampa e me atende muito bem, viajei para Curitiba este final de semana e me surpreendi com a moto na estrada. Para viagens curtas sem garupa vai de boa. Já tive uma HD 883 e digo que esta moto é muito mais moto que as sportster, mas para viagens mais longas prefiro meu motorzão 1600 da Dyna.
Contras:Não gostei da suspensão dianteira, afunda muito e nas tocadas mais esportivas deixa a desejar. Talvez trocando o fluído por um mais denso melhore. Também não gostei do preço dos acessórios no Brasil.

Recomendo

Prós: É linda, old school clássica. Chama a atenção em todo canto e, nos faróis da vida, e necessário ter paciência para responder a curiosidade de várias pessoas. Tem pegada, responde a aceleração com presteza, com torque na saída e nas retomadas. Alcança 100 por hora em menos de 5 segundos facilmente. O enunciado do motonline está equivocado... São 865cc e não 790! Confortável! Muito confortável. A patroa não reclamou até agora, embora para ela penso que não e tão confortável É amistosa a direção. Você monta e parece que e sua desde sempre. No trânsito do dia a dia e super maleável, passo nos corredores quase igual aos motoboys da vida. Ciclistica nota 10 E outros
Contras:Consumo até agora (14 km/litros) mas a moto está com 350 km... Depois dos mil, deve estabilizar em 18 ou 19 por litro. Preço dos acessórios é absurdo em concessionárias (em sampa temos duas). Além disso, não se encontra muita opção por aí, fora das CC, como acontece com as H-D por exemplo. Na minha, instalei uma bolha média que achei na G. Osorio, ficou linda e paguei 450 dilmas... Na CC custa 2.300 A questão da caixa citada pelo amigo é real... Pilotando de bermuda, se bobear, queima pés, tornozelos, coxa (já "testei" essas 3 partes). Mas tb, acho que toda moto faz isso não? Uma coisa menor mas que ocorreu vale citar... Comprei uma trava de acelerador e freio dianteiro (tecklock) dita universal, contudo não encaixa na manopla da Bonnie. Não consigo pensar em mais nada.

Recomendo

Prós: Comportamento dinâmico bem próximo de uma naked moderna. Boa aceleração e velocidade máxima. Baixo nível de vibração. Razoavelmente confortável.
Contras:Não possui ABS nem como opcional, inadmissível nos dias de hoje. Acabamento é bonito, mas algumas peças são de baixa qualidade (setas, lanternas, espelhos oxidado rapidamente). Haste cromada que suporta o para lama dianteiro já apresenta uma oxidação do tipo perfurante, ou seja, defeito de preparação da peça antes da cromagem. Setas muito feias, comprei outras mais curtas, de alumínio, que embelezar amanhã a moto, mas criaram dificuldade de acesso à ignição.
Avaliação
Avaliou Triumph Bonneville
eu recomendo!

Comentarios

pros

Lindo design retrô.
Delicioso ronco do motor.
Boa aceleração, alcança facilmente os 120km/h, podendo ir ainda mais além.
Moto leve e facilmente manobrável, se sai muito bem na cidade.

contras

A caixa da primária é alta, sobrepondo-se sobre o pedal, se você não prestar atenção e os devidos cuidados pode queimar a parte de dentro do seu pé constantemente.
O desenho reto e liso do banco fazem com que andar com garupa não seja tão confortável quanto se espera.
O painel com as velocidades em KM/H e MP/H é um pouco confuso. Falta um marcador de combustível.

CONDIÇÕES DO TESTE

  • Tempo de uso: Menos de um ano
  • Tipo de Uso: Lazer
  • Terreno Testado: Urbano
  • Quilometragem: 2000
  • Manutenção:
  • Custo de Mantenção:
satisfação geral
DIRIGIBILIDADE
VISUAL
CONSUMO
CONFORTO
CUSTO X BENEFÍCIO
PERFOMANCE
Avaliação
Avaliou Triumph Bonneville
eu recomendo!

Comentarios

Valeu cada centavo gasto! Pelo menos até agora. Não pretendo fazer as revisões na autorizada, tenho um mecânico de confiança.

pros

A moto é sensacional, comprei para o uso diário em Sampa e me atende muito bem, viajei para Curitiba este final de semana e me surpreendi com a moto na estrada. Para viagens curtas sem garupa vai de boa.

Já tive uma HD 883 e digo que esta moto é muito mais moto que as sportster, mas para viagens mais longas prefiro meu motorzão 1600 da Dyna.

contras

Não gostei da suspensão dianteira, afunda muito e nas tocadas mais esportivas deixa a desejar. Talvez trocando o fluído por um mais denso melhore.

Também não gostei do preço dos acessórios no Brasil.

CONDIÇÕES DO TESTE

  • Tempo de uso: Menos de um ano
  • Tipo de Uso: Meio de Transporte
  • Terreno Testado: Urbano, Estrada
  • Quilometragem: 4500
  • Manutenção:
  • Custo de Mantenção:
satisfação geral
DIRIGIBILIDADE
VISUAL
CONSUMO
CONFORTO
CUSTO X BENEFÍCIO
PERFOMANCE
Avaliação
Avaliou Triumph Bonneville
eu recomendo!

Comentarios

pros

É linda, old school clássica. Chama a atenção em todo canto e, nos faróis da vida, e necessário ter paciência para responder a curiosidade de várias pessoas.
Tem pegada, responde a aceleração com presteza, com torque na saída e nas retomadas. Alcança 100 por hora em menos de 5 segundos facilmente. O enunciado do motonline está equivocado... São 865cc e não 790!
Confortável! Muito confortável. A patroa não reclamou até agora, embora para ela penso que não e tão confortável
É amistosa a direção. Você monta e parece que e sua desde sempre. No trânsito do dia a dia e super maleável, passo nos corredores quase igual aos motoboys da vida. Ciclistica nota 10
E outros

contras

Consumo até agora (14 km/litros) mas a moto está com 350 km... Depois dos mil, deve estabilizar em 18 ou 19 por litro.
Preço dos acessórios é absurdo em concessionárias (em sampa temos duas). Além disso, não se encontra muita opção por aí, fora das CC, como acontece com as H-D por exemplo. Na minha, instalei uma bolha média que achei na G. Osorio, ficou linda e paguei 450 dilmas... Na CC custa 2.300
A questão da caixa citada pelo amigo é real... Pilotando de bermuda, se bobear, queima pés, tornozelos, coxa (já "testei" essas 3 partes). Mas tb, acho que toda moto faz isso não?
Uma coisa menor mas que ocorreu vale citar... Comprei uma trava de acelerador e freio dianteiro (tecklock) dita universal, contudo não encaixa na manopla da Bonnie.
Não consigo pensar em mais nada.

CONDIÇÕES DO TESTE

  • Tempo de uso: Menos de um ano
  • Tipo de Uso: Lazer
  • Terreno Testado: Urbano
  • Quilometragem: 350
  • Manutenção:
  • Custo de Mantenção:
satisfação geral
DIRIGIBILIDADE
VISUAL
CONSUMO
CONFORTO
CUSTO X BENEFÍCIO
PERFOMANCE
Avaliação
Avaliou Triumph Bonneville
eu recomendo!

Comentarios

A Triumph venderia muito mais motocicletas se cadastrasse oficinas para fazer manutenção nas suas motocicletas (revisões em garantia, troca de pecas, etc).
Quem não mora no Rio ou São Paulo não se importaria de ter um pouco de trabalho e custo adicional para adquirir a moto (adquirir e enviar por frete para sua cidade), desde que pudesse ter sua manutenção facilitada com oficinas credenciadas.
Imaginando que alguns proprietários esperam viajar com suas motos, especialmente as estradeiras, como serão atendidos pela Triumph fora do Rio ou São Paulo? Que tipo de viagem poderão ser realizadas?

pros

Comportamento dinâmico bem próximo de uma naked moderna.
Boa aceleração e velocidade máxima.
Baixo nível de vibração.
Razoavelmente confortável.

contras

Não possui ABS nem como opcional, inadmissível nos dias de hoje.
Acabamento é bonito, mas algumas peças são de baixa qualidade (setas, lanternas, espelhos oxidado rapidamente).
Haste cromada que suporta o para lama dianteiro já apresenta uma oxidação do tipo perfurante, ou seja, defeito de preparação da peça antes da cromagem.
Setas muito feias, comprei outras mais curtas, de alumínio, que embelezar amanhã a moto, mas criaram dificuldade de acesso à ignição.

CONDIÇÕES DO TESTE

  • Tempo de uso: Mais de um ano
  • Tipo de Uso: Lazer
  • Terreno Testado: Urbano
  • Quilometragem: 2500
  • Manutenção: Difícil de encontrar
  • Custo de Mantenção: Normal
satisfação geral
DIRIGIBILIDADE
VISUAL
CONSUMO
CONFORTO
CUSTO X BENEFÍCIO
PERFOMANCE
É expressamente proibida a reprodução de qualquer matéria sem a prévia autorização do Motonline e dos autores (Inciso I do Artigo 29 - Lei 9.610/98).
Proibida a reprodução parcial ou integral mesmo que citada a fonte. Todos os direitos reservados. As matérias assinadas são de exclusiva responsabilidade de seus autores.
Site Ramar Ventures

buscar conteúdo

Encontre anúncios, guias, notícias e conteúdos sobre motos.

Cotar Seguro da Sua Moto